jp-cc-pci-aula 10-exercícios


1.
Quanto à Demonstração do Resultado do Exercício (DRE), a Lei das S.A.s

a lei 6.404/76 define como uma demonstração contábil obrigatória:

As Companhias de capital fechado com PL inferior a R$ 2.000.000,00.
As Companhias de de capital aberto com Receita bruta superior a R$ 2.400.000,00.
As Companhias de capital aberto.
As Companhias de capital fechado com PL superior a R$ 1.000.000,00.
A todos os tipos de sociedades.

 

2.
A Lei determina para as S/A´s de capital aberto, que ao final de cada exercício social, a diretoria fará elaborar, com base na escrituração mercantil da companhia, as seguintes demonstrações financeiras:

 Art. 176. Ao fim de cada exercício social, a diretoria fará elaborar, com base na escrituração mercantil da companhia, as seguintes demonstrações financeiras, que deverão exprimir com clareza a situação do patrimônio da companhia e as mutações ocorridas no exercício:

        I – balanço patrimonial;

        II – demonstração dos lucros ou prejuízos acumulados;

        III – demonstração do resultado do exercício; e

        IV – demonstração dos fluxos de caixa; e (Redação dada pela Lei nº 11.638,de 2007)

        V – se companhia aberta, demonstração do valor adicionado(Incluído pela Lei nº 11.638,de 2007)

1 balanço patrimonial;
2 demonstração dos lucros ou prejuízos acumulados,
3 demonstração do resultado do exercício;
4 demonstração dos fluxos de caixa; e
5 demonstração do valor adicionado.

balanço patrimonial; demonstração do resultado do exercício; demonstração dos fluxos de caixa; e demonstração do valor adicionado.
balanço patrimonial; demonstração dos lucros ou prejuízos acumulados, demonstração do resultado do exercício; demonstração dos fluxos de caixa; demonstração do valor adicionado; e demonstração das origens e aplicações de recursos.
balanço patrimonial; demonstração dos lucros ou prejuízos acumulados, demonstração das mutações do patrimônio líquido; demonstração do resultado do exercício; demonstração dos fluxos de caixa; e demonstração do valor adicionado.
balanço patrimonial; demonstração dos lucros ou prejuízos acumulados, demonstração do resultado do exercício; demonstração dos fluxos de caixa; e demonstração do valor adicionado.
balanço patrimonial; demonstração dos lucros ou prejuízos acumulados, demonstração do resultado do exercício e demonstração dos fluxos de caixa.

 

3.
É reconhecido no Balanço Patrimonial como recursos de posse da empresa que são capazes de gerar benefícios econômicos imediato ou futuro:

 Certo Ativo
Despesas
Passivo
Patrimônio Líquido
Receitas

 

1.
Quanto à Demonstração do Resultado do Exercício (DRE), a lei 6.404/76 define como uma demonstração contábil obrigatória:

As Companhias de capital fechado com PL inferior a R$ 2.000.000,00.
As Companhias de de capital aberto com Receita bruta superior a R$ 2.400.000,00.
 Errado As Companhias de capital aberto.
As Companhias de capital fechado com PL superior a R$ 1.000.000,00.
 Certo A todos os tipos de sociedades.

 

 

2.
A Lei determina para as S/A´s de capital aberto, que ao final de cada exercício social, a diretoria fará elaborar, com base na escrituração mercantil da companhia, as seguintes demonstrações financeiras:

 Errado balanço patrimonial; demonstração do resultado do exercício; demonstração dos fluxos de caixa; e demonstração do valor adicionado.
balanço patrimonial; demonstração dos lucros ou prejuízos acumulados, demonstração do resultado do exercício; demonstração dos fluxos de caixa; demonstração do valor adicionado; e demonstração das origens e aplicações de recursos.
balanço patrimonial; demonstração dos lucros ou prejuízos acumulados, demonstração das mutações do patrimônio líquido; demonstração do resultado do exercício; demonstração dos fluxos de caixa; e demonstração do valor adicionado.
 Certo balanço patrimonial; demonstração dos lucros ou prejuízos acumulados, demonstração do resultado do exercício; demonstração dos fluxos de caixa; e demonstração do valor adicionado.
balanço patrimonial; demonstração dos lucros ou prejuízos acumulados, demonstração do resultado do exercício e demonstração dos fluxos de caixa.

 

 

3.
É reconhecido no Balanço Patrimonial como recursos de posse da empresa que são capazes de gerar benefícios econômicos imediato ou futuro:

 Certo Ativo
Despesas
Passivo
Patrimônio Líquido
Receitas

 

 

4.
Uma empresa pagou, em janeiro de 2014, o aluguel do galpão destinado á sua área de produção, relativo ao mês de dezembro de 2013. O lançamento correspondente ao pagamento do aluguel gerará:

 Errado um aumento nos Custos e uma redução de igual valor no Ativo.
um aumento nas Despesas e uma redução de igual valor no Passivo.
 Certo uma redução no Ativo e uma redução de igual valor no Passivo.
um aumento nas Despesas e uma redução de igual valor no Ativo.
uma redução no Ativo e uma redução de igual valor no Patrimônio Líquido.

 

 

5.
Saldos finais das contas patrimoniais da Brisa & Cia. em 31.12.2016:

Caixa ……………………………………………………………..800,00
Capital Social…………………………………………………1.000,00
Contas a Pagar até 90 dias ……………………………..1.000,00
Contas a receber até 360 dias…………………………. 2.000,00
Depreciação Acumulada …………………………………….500,00
Financiamento de Longo Prazo ……………………….1.200,00
Imobilizado …………………………………………………….2.000,00
Reserva Legal……………………………………………………500,00
Provisão para Crédito de Liquidação DuvidosA ……..300,00
Salários a Pagar………………………………………………….300,00
Com base nas informações supra, podemos afirmar que os valores totais do Ativo e do Passivo Exigível (Capitais de Terceiros) são, respectivamente:

$ 2.800,00 e $ 3.600,00
$ 2.500,00 e $ 4.200,00
 Certo $ 4.000,00 e $ 2.500,00
$ 4.200,00 e $ 1.500,00
$ 4.200,00 e $ 1.800,00

 

 

6.
Apure o resultado da Empresa Comercial Xi Ltda. que apresentou a seguinte movimentação em determinado período: EI = $2.000,00; Compras = $16.000,00; EF = $3.500,00; Vendas = $28.000,00; Devolução de Vendas = $ 500,00 e Despesas Administrativas $8.000,00.

R$ 13.000,00
– R$ 5.500,00
R$ 5.500,00
R$ 28.000,00
 Certo R$ 5.000,00

 

 

7.
De acordo com os dados abaixo, o resultado (lucro ou prejuízo) da empresa é:

Bancos conta movimento  R$   2.000,00
Caixa  R$     400,00
Clientes – vencimento em março/2016  R$   5.000,00
Estoque  R$   5.000,00
Despesas Gerais  R$   5.000,00
Fornecedores  R$  19.000,00
Imóveis em uso  R$   26.000,00
Receita com vendas  R$  16.400,00
Reserva de Lucros  R$  14.000,00
Capital Social a integralizar  R$   4.000,00
CMV  R$   3.000,00

Lucro de R$ 22.400,00
 Certo Lucro de R$ 8.400,00
Prejuízo de R$ 5.600,00
Lucro de R$ 20.400,00
A empresa nem teve lucro nem prejuízo

 

1.
Os elementos que integram o Ativo Imobilizado tem um período limitado de vida útil econômica. Dessa forma, o custo de tais ativos deve ser alocado de maneira sistemática aos exercícios beneficiados por seu uso no decorrer de sua vida útil econômica. Quanto aos itens do Ativo Imobilizado, assinale aquele que NÃO deve ser realizada a Depreciação.

Embarcações
Veículos
Máquinas e Equipamentos
Imóveis
 Certo Terrenos

 

Quanto à Demonstração do Valor Adicionado (DVA), a lei 6.404/76 define que deverá ser elaborada e publicada pelas:

Sociedades Anônimas.
Companhias de capital aberto.
Companhias de capital fechado com PL inferior a R$ 2.000.000,00.
Companhias de capital fechado com PL superior a R$ 1.000.000,00.
Companhias de de capital aberto com Receita bruta superior a R$ 2.400.000,00.
2.
O documento hábil para o recolhimento das contribuições sociais a ser utilizado pela empresa, contribuinte individual, facultativo, empregador doméstico e segurado especial é denominado:

 Certo GPS (Guia da Previdência Social)
RAIS (Relação Anual de Informações Sociais)
GEFIP
CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados)
Contribuição Sindical.

 

A obrigação tributária principal que deve ser recolhida no mês de janeiro de cada ano (de uma só vez), aos respectivos sindicatos de classe cujo valor será em importância proporcional ao capital social, da firma ou empresa, registrado nas respectivas Juntas Comerciais ou órgãos equivalentes, mediante a aplicação de alíquotas é denominada:

GPS (Guia da Previdência Social)
GEFIP
Contribuição Assistencial
Contribuição Confederativa
 Certo Contribuição Sindical Patronal
8.
A contrapartida do registro de uma provisão tem como consequência

uma diminuição da Receita.
 Certo um aumento de Despesa.
 Errado um aumento de Ativo.
uma diminuição de Passivo.
um aumento no resultado final.
4.
Uma empresa pagou, em janeiro de 2014, o aluguel do galpão destinado á sua área de produção, relativo ao mês de dezembro de 2013. O lançamento correspondente ao pagamento do aluguel gerará:

 Errado um aumento nos Custos e uma redução de igual valor no Ativo.
um aumento nas Despesas e uma redução de igual valor no Passivo.
 Certo uma redução no Ativo e uma redução de igual valor no Passivo.
um aumento nas Despesas e uma redução de igual valor no Ativo.
uma redução no Ativo e uma redução de igual valor no Patrimônio Líquido.

 

 

5.
Saldos finais das contas patrimoniais da Brisa & Cia. em 31.12.2016:

Caixa ……………………………………………………………..800,00
Capital Social…………………………………………………1.000,00
Contas a Pagar até 90 dias ……………………………..1.000,00
Contas a receber até 360 dias…………………………. 2.000,00
Depreciação Acumulada …………………………………….500,00
Financiamento de Longo Prazo ……………………….1.200,00
Imobilizado …………………………………………………….2.000,00
Reserva Legal……………………………………………………500,00
Provisão para Crédito de Liquidação DuvidosA ……..300,00
Salários a Pagar………………………………………………….300,00
Com base nas informações supra, podemos afirmar que

os valores totais do Ativo e do Passivo Exigível (Capitais de Terceiros) são, respectivamente:

$ 2.800,00 e $ 3.600,00
$ 2.500,00 e $ 4.200,00
$ 4.000,00 e $ 2.500,00
$ 4.200,00 e $ 1.500,00
$ 4.200,00 e $ 1.800,00

 

6.
Apure o resultado da Empresa Comercial Xi Ltda. que apresentou a seguinte movimentação em determinado período: EI = $2.000,00; Compras = $16.000,00; EF = $3.500,00; Vendas = $28.000,00; Devolução de Vendas = $ 500,00 e Despesas Administrativas $8.000,00.

R$ 13.000,00
– R$ 5.500,00
R$ 5.500,00
R$ 28.000,00
R$ 5.000,00

 

7.
De acordo com os dados abaixo, o resultado (lucro ou prejuízo) da empresa é:

Bancos conta movimento  R$   2.000,00
Caixa  R$     400,00
Clientes – vencimento em março/2016  R$   5.000,00
Estoque  R$   5.000,00
Despesas Gerais  R$   5.000,00
Fornecedores  R$  19.000,00
Imóveis em uso  R$   26.000,00
Receita com vendas  R$  16.400,00
Reserva de Lucros  R$  14.000,00
Capital Social a integralizar  R$   4.000,00
CMV  R$   3.000,00

Lucro de R$ 22.400,00
Lucro de R$ 8.400,00
Prejuízo de R$ 5.600,00
Lucro de R$ 20.400,00
A empresa nem teve lucro nem prejuízo

 

8.
A contrapartida do registro de uma provisão tem como consequência

uma diminuição da Receita.
 Certo um aumento de Despesa.
 Errado um aumento de Ativo.
uma diminuição de Passivo.
um aumento no resultado final.

 

 

A Demonstração do Resultado do Exercício evidencia o resultado operacional da empresa a partir do confronto das contas de resultado. Assinale a alternativa abaixo que não integra essa Demonstração Contábil.

 

Custo dos Produtos Vendidos, das Mercadorias Vendidas ou dos Serviços Prestados
Despesas Financeiras
 Certo Ajustes de Exercícios Anteriores
Despesas Operacionais
Receitas Financeiras

 

Marque a alternativa que corresponde a uma “conta” do Patrimônio Liquido, compondo, consequentemente, o Passivo da empresa:

Intangível.
Diferido.
 Certo Ajuste de Avaliação Patrimonial.
Resultado Operacional Bruto.
Receita de Vendas.

 

A empresa WF está em dúvida em qual regime tributário adotar, Lucro Real ou Lucro Presumido, ela estima que terá um faturamento anual no valor de $ 300.000,00, os custos e despesas estimados para o período são de $ 210.000,00, com despesas não dedutíveis no valor de $ 10.000,00. Sabendo que a Base de Cálculo para o Lucro Presumido é de 32% e considerando que a empresa não tem prejuízos anteriores a compensar pode-se afirmar que:

A melhor opção tributária para a empresa é o Lucro Real, pois para esse regime de tributação terá base de cálculo de $ 96.000,00 contra $ 100.000,00 de base de cálculo no Lucro Presumido, gerando um benefício tributário.
 Certo A melhor opção tributária para a empresa é o Lucro Presumido, pois para esse regime de tributação terá base de cálculo de $ 96.000,00 contra $ 100.000,00 de base de cálculo no Lucro Real, gerando um benefício tributário.
O Lucro Fiscal estimado para fins de apuração do imposto de renda e a contribuição social pelo regime do Lucro Real será de $ 80.000,00.
Nesse caso a opção tributária é indiferente, pois em ambas encontramos as mesmas bases de cálculo.
A base de cálculo para fins de apuração do imposto de renda e da contribuição social pelo Lucro Presumido será de $ 90.000,00

 

 

6.
Marque a alternativa que corresponde a uma “conta” do Patrimônio Liquido, compondo, consequentemente, o Passivo da empresa:

Intangível.
Diferido.
 Certo Ajuste de Avaliação Patrimonial.
Resultado Operacional Bruto.
Receita de Vendas.

 

 

7.
QUAL RELATÓRIO CONTÁBIL DESTINADO A EVIDENCIAR, NUM DETERMINADO MOMENTO, AS MUTAÇÕES OCORRIDAS NOS RESULTADOS ACUMULADOS DA ENTIDADE?

 Certo DEMONSTRAÇÃO DOS LUCROS OU PREJUÍZOS ACUMULADOS;
DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS DE CAIXA;
BALANÇO PATRIMONIAL;
DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS DO EXERCÍCIO;
DEMONSTRAÇÃO DO VALOR ADICIONADO, SE COMPANHIAS ABERTAS.
7.
QUAL RELATÓRIO CONTÁBIL DESTINADO A EVIDENCIAR, NUM DETERMINADO MOMENTO, AS MUTAÇÕES OCORRIDAS NOS RESULTADOS ACUMULADOS DA ENTIDADE?

 Certo DEMONSTRAÇÃO DOS LUCROS OU PREJUÍZOS ACUMULADOS;
DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS DE CAIXA;
BALANÇO PATRIMONIAL;
DEMONSTRAÇÃO DOS RESULTADOS DO EXERCÍCIO;
DEMONSTRAÇÃO DO VALOR ADICIONADO, SE COMPANHIAS ABERTAS.
2.
A empresa WF teve um faturamento no Trimestre no valor de $ 250.000,00 apurando um Lucro no mesmo período de $ 70.000,00, com despesas não dedutíveis no valor de $ 10.000,00. Sabendo que a Base de Cálculo para o Lucro Presumido é de 32% e considerando que a empresa não tem prejuízos anteriores a compensar pode-se afirmar que:

A base de cálculo para o Lucro Presumido será de $ 70.000,00 e a base de cálculo para o Lucro Real será de $ 80.000,00.
A base de cálculo para o Lucro Presumido será de $ 250.000,00 e a base de cálculo para o Lucro Real será de $ 70.000,00.
A base de cálculo para o Lucro Presumido será de $ 80.000,00 e a base de cálculo para o Lucro Real será de $ 60.000,00.
No referido trimestre o valor da base de cálculo será a mesma tanto para o lucro real quanto para o lucro presumido.
A base de cálculo para o Lucro Presumido será de $ 80.000,00 e a base de cálculo para o Lucro Real será de $ 70.000,00.

 

3.
O balancete de verificação é um demonstrativo contábil que reúne todas as contas em movimento na empresa e seus respectivos saldos (saldos de débito/saldos devedores e saldos de crédito/saldos credores). Ele auxilia o contador a conferir sua exatidão na conferência dos saldos das contas de acordo com a sua natureza. De acordo com as alternativas abaixo, assinale a opção que contém um erro a ser observado nesse relatório:

Banco  R$ 20.000,00 D
Fornecedores  80.000,00 C
Caixa  R$ 30.000,00 C
Receita com Vendas  160.000,00 C
Veículo  60.000,00 D

 

4.
A confronto das contas de receita, custos e despesas em um determinado período é evidenciada na seguinte demonstração contábil:

 Certo Demonstração do Resultado do Exercício
Demonstração do Fluxo de Caixa
Demonstração dos Lucros e Prejuízos acumulados
Balanço Patrimonial
Demonstração do Resultado Abrangente

 

 

5.
O Patrimônio Líquido compreende os recursos próprios da Entidade, sendo seu valor encontrado pela diferença entre o valor do Ativo e do Passivo. Desta forma, quando encontramos a situação do Passivo maior que do Ativo, temos que o resultado é:

Situação Líquida Nula.
Empresa com situação Negativa e de descontinuidade (insolvente).
Situação Líquida recorrente.
Situação Líquida Positiva.
 Certo Situação Líquida Negativa ou Passivo a Descoberto.

 

 

6.
De acordo com os fatos decorrentes da folha de pagamento e dos respectivos encargos sociais, analise as afirmativas abaixo:
I – O VT (Vale Transporte) tem que ser oferecido para todos os funcionários, mas para aqueles que não quiserem, tem que manifestar sua decisão em documento próprio, formalizando sua decisão e a empresa tem que manter o referido documento em pasta pessoal do funcionário.
II -O INSS é uma contribuição previdenciária na qual contribuem tanto a Empresa, quanto o empregado.
III – Para cálculo do FGTS utiliza-­se a alíquota de 8%, a qual é descontada do Salário Bruto do funcionário. Estão Corretas:

Todas as afirmativas
Somente I e II
Somente I e III
Somente I
Somete II e III

 

7.
A Obrigação Acessória que deve permanecer no estabelecimento empregador à disposição da fiscalização do Ministério do Trabalho, nos termos estabelecidos pela Consolidação das Leis Trabalhistas e destina-se a fiscalizar e assegurar o cumprimento das disposições legais, no que refere à proteção dos trabalhadores no exercício das atividades é denominada:

Livro de Inspeção do Trabalho
GEFIP
RAIS (Relação Anual de Informações Sociais)
CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados)
Contribuição Sindical

 

8.
A Entidade que elaborar a demonstração das mutações do patrimônio líquido, nela já estarão incluídas as informações prestadas pela(o):

DVA
BP
 Errado DRE
DFC
 Certo DLPA – demonstração de lucros e prejuízos acumulados (DLPA)
Anúncios