Escrito em parceria com Adrian Tandez

Neste Artigo:Tentando resolver a situação de forma pacíficaIncapacitando o agressorDefendendo-se19 Referências

Os ataques com faca são imprevisíveis e muito perigosos e, dependendo do caso, ela pode ser mais fatal que uma arma de fogo. Por sorte, também fica mais fácil tomar o objeto do agressor em algumas situações. Se acontecer algo com você, mantenha a calma, pense bem e tente se defender se for necessário. Leia as dicas abaixo para descobrir mais!

Parte1

Tentando resolver a situação de forma pacífica

  1. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 1
    1

    Mantenha a calma. Não entre em pânico se um agressor chegar perto. Qualquer movimento brusco pode piorar muito as coisas. Tente controlar a respiração e avaliar a pessoa.[1]
  2. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 2
    2

    Avalie o agressor. Existem vários tipos de agressores, sempre com motivações próprias e diferentes. Talvez a pessoa tenha experiência com assaltos e queira “se divertir” com as vítimas; talvez tenha problema mentais ou esteja drogado, bêbado etc. Pode ser até que você presencie outro crime dele e se torne a próxima vítima lógica. Sejam quais forem esses fatores, tente descobrir com quem está lidando.[2]
  3. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 3
    3

    Pergunte o que a pessoa quer. Tente conversar com a pessoa para perguntar por que ela está tentando atacar você e se há algo a fazer para impedir que as coisas piorem.[3]

    • Em um assunto, a pessoa vai pedir para você entregar as suas coisas de valor. Nesse caso, a situação é mais simples: entregue tudo. Lembre-se de que a sua vida vale mais que o seu celular!
    • Se a pessoa quer brigar, diga que você não é violento. Talvez ela não esteja para papo, mas não custa tentar.
    • Se parecer que ela tem algum problema mental ou está sob influência de alguma substância, o melhor a fazer é não resistir — afinal, essas são as situações mais perigosas. Nesse caso, afaste-se aos poucos.
  4. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 4
    4

    Grite para pedir socorro. Se você estiver em um lugar público e houver mais gente por perto, peça ajuda para deixar óbvia a situação. Diga “Socorro!” ou “Alguém me ajuda!” e veja se alguma boa alma aparece.[4]

    • Grite mesmo se você estiver em um lugar mais isolado ou remoto, como um parque ou um estacionamento vazio. Mesmo que ninguém veja a situação diretamente, pode ser que alguém esteja por perto para ouvir e fazer alguma coisa. Inclusive, muita gente anda com um apito quando vai a lugares desse tipo para fazer ainda mais barulho.[5]
  5. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 5
    5

    Se possível, fuja. A melhor defesa contra esse tipo de ataque é correr. Mesmo que você seja forte ou tenha truques de artes marciais na manga, a faca ainda é uma arma fatal e imprevisível. Além do mais, fugir não é sinônimo de covardia — pelo contrário: é a coisa mais inteligente a se fazer no momento.[6]

Parte2

Incapacitando o agressor

  1. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 6
    1

    Determine se há oportunidades para fugir. Em situações de ataques com faca, fugir sempre é melhor que enfrentar o agressor. No entanto, isso nem sempre é possível: talvez você fique encurralado e sem alternativa e, por isso, precise desarmar a pessoa para ter chance de se salvar.[7]
  2. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 7
    2

    Golpeie a garganta do agressor. A garganta é um dos melhores lugares para um ataque; apesar de ser difícil acertar, você pode machucar a traqueia e prejudicar a respiração da pessoa, que não vai conseguir continuar a agressão.[8]

    • Chegue bem perto até ficar a um braço de distância da pessoa para golpeá-la na garganta.
    • Use o cotovelo e o antebraço. Quanto mais dura for a região que você usa para o golpe, mais eficaz essa estratégia vai ser. Como o cotovelo é formado apenas de osso e pele, ele é bem útil nessas situações.
    • Dê um “empurrão” de surpresa na garganta da pessoa com a palma da mão ou o cotovelo.
    • Corra. Se o seu golpe for forte, a pessoa não vai conseguir respirar. Aproveite o momento e fuja.
  3. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 8
    3

    Golpeie o agressor na virilha. Se o agressor é homem, chute-o na região da virilha com o joelho ou a canela para incapacitá-lo imediatamente. Essa técnica dá certo mesmo que você esteja um pouco mais próximo ou distante da pessoa. Depois, aproveite e corra.[9]

    • Dê uma joelhada se você estiver perto do agressor. Como a distância é menor nesse caso, basta usar o joelho (que é duro como o cotovelo).
    • Use o pé ou a canela se a pessoa estiver a um braço de distância. Melhor usar a canela, já que ela é maior e pode causar um estrago pior ainda. Estenda o joelho e acerte bem na virilha do agressor.
    • Corra. Quando o agressor cair no chão de tanta dor, fuja o mais rápido possível.
  4. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 9
    4

    Golpeie o agressor nos olhos. Os olhos são muito sensíveis e, por isso, você vai causar bastante dor no agressor se golpeá-lo nessa região. Contudo, a técnica só surte efeito quando as duas pessoas estão bem próximas. Lembre-se também de que ela é perigosa e sangrenta e, por isso, só serve em situações de vida ou morte.[10]

    • Estique os dedos para acertar os olhos do agressor. A maioria das pessoas recua quando sente que vai ser atacada na região; por isso, seja bem ágil e faça um movimento certeiro.
    • Enfie os dedos nas órbitas dos olhos do agressor. Não basta cutucar a região, pois a pessoa vai sentir uma dor ínfima. Faça força e aperte para valer.
    • Quando você apertar os olhos do agressor, mire na base do crânio. Repetindo: essa técnica é só para os corajosos, que não têm medo de sangue e estão em situações de vida ou morte. Ela pode causar cegueira e até levar a pessoa a óbito.
    • Fuja depois de incapacitar o agressor.

Parte3

Defendendo-se

  1. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 10
    1

    Baixe a guarda do agressor. Se você não conseguir fugir e for forçado a se defender, faça algo imprevisível: cuspa no rosto da pessoa, jogue-se no chão, atire sua mochila na direção dele etc. Use qualquer estratégia que facilite a sua fuga ou pelo menos deixe o agressor desorientado e mais fácil de derrubar.[11]
  2. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 11
    2

    Tente encontrar alguma arma. Envolver-se em uma briga de faca desarmado é bastante perigoso. Olhe bem para o ambiente à sua volta em busca de algo que você possa usar para se defender: um cano de metal, um galho grosso, uma cadeira etc. Use qualquer coisa que aumente a distância em relação ao agressor.[12]
    DICA DE ESPECIALISTA
    Adrian Tandez
    ADRIAN TANDEZ
    Especialista em Defesa Pessoal

    Nosso especialista concorda: Qualquer objeto pode ser uma arma em uma briga. Isso inclui coisas que normalmente não pensamos em usar, como chaves, objetos pesados nos arredores, entre outras opções.

  3. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 12
    3

    Espere o agressor fazer algo. Quando o agressor der sinal de que vai atacar, ficará desprotegido por um instante. Se você encontrou uma arma, essa é a hora de usá-la em sua defesa. Se não encontrou, golpeie a pessoa com toda a sua força na virilha ou nas pernas — mas fique longe da faca.[13]
  4. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 13
    4

    Tente desarmar o agressor. Se você tiver alguma arma, golpeie o agressor na mão, mas mantenha uma boa distância em relação a ele (a ponto de ele não conseguir segurar mais a faca).[14] Caso contrário, tente segurá-lo pelo pulso para fazer o desarmamento.
  5. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 14
    5

    Segure o pulso do agressor. Por mais que tentar tomar a faca seja muito perigoso, talvez a sua única opção seja segurar o agressor pelo pulso para controlar a direção da lâmina e, se possível, golpear a pessoa.[15]
  6. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 15
    6

    Continue golpeando o agressor. Você pode até conseguir tomar a faca dele, mas talvez ele tente dar uma cabeçada na sua direção! Por isso, não baixe a sua guarda e nem pare de atacar.[16]
  7. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 16
    7

    Leve a briga contra o agressor ao chão. Se possível, continue segurando o pulso e golpeando a cabeça e as pernas da pessoa até derrubá-la. Ao mesmo tempo, continue tentando afastar a lâmina da faca da sua direção.[17]
  8. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 17
    8

    Não tenha pena do agressor. Se e quando o agressor perder a vantagem na briga, ele pode começar a pedir que você tenha pena. Não se engane! Ele provavelmente vai tentar desferir outro ataque logo em seguida.
  9. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 18
    9

    Chute ou jogue a faca bem longe. Afaste a faca ao máximo — atire-a no telhado de uma casa, em um bueiro, no mato etc. Assim, você vai poder fugir enquanto o agressor a procura.[18]
  10. Imagem intitulada Defend Against a Knife Attack Step 19
    10

    Faça cursos de defesa pessoal. Por mais que artigos como este tragam dicas de defesa úteis, os ataques com faca são muito sérios e perigosos. A maioria dos passos acima está relacionada a situações hipotéticas, mas a vida real é diferente e nunca se sabe quando um bom curso de defesa pessoal vem a calhar.[19]
    DICA DE ESPECIALISTA
    Adrian Tandez
    ADRIAN TANDEZ
    Especialista em Defesa Pessoal

    Aprenda a usar armas caso precise se defender de uma delas. Algumas aulas de defesa pessoal começam com o uso de armas como bastões duplos, bastão e adaga e até mesmo faca. Isso é útil, pois é impossível se defender do desconhecido. Você precisa aprender a usar uma arma antes de aprender a desarmá-la.

Dicas

  • Levante as mãos e faça outros gestos de submissão quando o agressor chegar perto para mostrar que você não vai resistir e não quer encrenca.
  • Estude artes marciais, como Krav Magá, Aikido ou Kali/Escrima. Todos esses exemplos se especializam em combates com faca, defesa contra ataques do tipo e desarmamento.
  • Adote sempre uma boa postura. Geralmente, os agressores não atacam as pessoas que parecem ter chances de se defender. Ande sempre de peito estufado.
  • Use roupas e acessórios especiais que protejam o seu tronco, mas sejam fáceis de tirar em casos de ferimentos de faca.
  • Não tenha medo e nem pena de golpear o agressor na virilha ou nos olhos. Use toda a sua força e fuja logo em seguida para que a pessoa não tenha condições de ir atrás.
  • Ninguém vai chegar perto de você em público com uma faca já em mãos. Se alguém quiser o seu mal, não vai deixar na cara.
  • Muitas pessoas carregam spray de pimenta e outros acessórios de defesa pessoal. Se é o seu caso, dê uma borrifada e corra!
  • Você pode gritar “Incêndio!” em vez de “Ajuda!” ou “Socorro!” para chamar a atenção de mais pessoas.

Avisos

  • Mesmo que esteja com raiva e pronto para lutar contra o agressor e tomar a faca dele, não o fira com a arma. As leis de legítima defesa nem sempre se aplicam a determinados casos.
  • Não entre em uma briga de faca a menos que você esteja pronto para sair ferido — o que vai acontecer, mesmo que tenha experiência com artes marciais.
  • Render-se ou fugir sempre é melhor que resistir ou brigar.