Zoom Video Communications


Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Saltar para a navegaçãoSaltar para a pesquisa

Zoom de propaganda no Aeroporto Internacional de Denver

Zoom Video Communications é uma empresa americana de serviços de conferência remota com sede em San Jose, Califórnia. Ela fornece um serviço de conferência remota que combina videoconferência, reuniões online, bate-papo e colaboração móvel.[1]

O software homônimo da Zoom está entre as soluções de reuniões remotas mais populares em muitos países. Ele é conhecido por sua confiabilidade e facilidade de uso, especialmente quando comparado aos concorrentes.[2] Porém, enfrentou controvérsia significativa devido à revelação de várias vulnerabilidades de segurança encontradas em seu software, além de alegações durante a recente pandemia de coronavírus de práticas inadequadas de privacidade e segurança.[3]

História[editar | editar código-fonte]

Foi fundado em 2011 por Eric Yuan, engenheiro líder da Cisco Systems e sua unidade de negócios de colaboração WebEx.[4] O serviço começou em janeiro de 2013 e, em maio de 2013, reivindicou um milhão de participantes.[5] Durante o primeiro ano de seu lançamento, o Zoom estabeleceu parcerias com fornecedores de software de colaboração B2B, como Redbooth (então Teambox),[6] e também criou um programa chamado “Works with Zoom”, que estabeleceu parcerias com vários fornecedores de hardware e software, como como Logitech, Vaddio,[7] e InFocus.[8][9][10]

Uso durante a pandemia de COVID-19[editar | editar código-fonte]

Em 2020, o uso do Zoom aumentou 67% desde o início do ano até meados de março, quando escolas e empresas adotaram a plataforma de trabalho remoto em resposta à pandemia de coronavírus.[11] Desde que a pandemia se intensificou, milhares de instituições de ensino mudaram para aulas on-line usando o Zoom.[12][13] A empresa ofereceu seus serviços para escolas de ensino fundamental e médio gratuitamente em muitos países.[14] Em um dia, o aplicativo Zoom foi baixado 343.000 vezes, com cerca de 18% desses downloads originados nos Estados Unidos. O Zoom ganhou mais de 2,22 milhões de usuários nos primeiros meses de 2020 – mais usuários do que acumulou em 2019.[15] Consequentemente, em março de 2020, as ações da Zoom aumentaram para US$ 160,98 por ação, um aumento de 263% em relação aos preços iniciais das ações quando foram abertas.[16]

O Zoom também se tornou uma plataforma social popular ao longo da pandemia.[17][18] A geração Z e a geração do milênio se conectaram através de eventos como “Zoom Blind Dates” (“Encontros Cegos do Zoom”) e “Zoom Recess” (“Recesso do Zoom”). O Zoom como uma empresa se transformou em um meme da Internet e estudantes de várias faculdades e universidades espalharam memes sobre seu uso como “Zoom University” (“Universidade Zoom”).[19][20] O Zoom também ganhou popularidade entre usuários e famílias mais velhos, separados por diretrizes e mandatos de distanciamento social em andamento. Essas reuniões sociais virtuais costumam ser chamadas de “Zoom Parties” (“Festas do Zoom”).[21]

Com o aumento do uso da videoconferência, ocorreram incidentes de “Zoombombing”, a prática de participantes inesperadamente aparecerem em conferências e enviarem de pornografia ou outro material ofensivo a outros participantes,[22][23][24] fazendo com que algumas organizações abandonassem o uso de Zoom.[25] O Zoom publicou um guia para reduzir as chances de tais incidentes.[26]

As práticas de segurança e privacidade de dados de Zoom também estão sob crescente escrutínio.[27] Consequentemente, o CEO da Zoom divulgou um comunicado pedindo desculpas pelos problemas de segurança.[28] Alguns dos problemas foram resultado do fato de o Zoom ter sido projetado para “grandes instituições com suporte completo de TI”. Para combater esses problemas, a Zoom afirmou que se concentrará na privacidade dos dados e emitirá um relatório de transparência.[29][30]

Produtos[editar | editar código-fonte]

O Zoom fornece videoconferência para até 100 participantes, com um limite de tempo de 40 minutos. Além disso, assinaturas pagas estão disponíveis para permitir mais participantes, aumentar o limite de tempo e obter recursos mais avançados. A Zoom afirma que seu software de código fechado é compatível com FedRAMP,[31] HIPAA,[32] PIPEDA e PHIPA,[33] e o GDPR, no entanto, essas alegações não podem ser verificadas por pesquisadores de segurança em todo o mundo, pois os aplicativos são de código fechado .[34] O Zoom recebeu vários reconhecimentos da indústria por seus produtos.[35]

Inicialmente, o Zoom podia hospedar conferências com até 15 participantes de vídeo,[36] aumentado para 25 em janeiro de 2013, para 100 com a versão 2.5 em outubro de 2015[37][38] e posteriormente para 1.000 para clientes corporativos.[39] Entre 2015 e meados de 2016, a Zoom Video Communications anunciou suporte nativo ao Skype for Business e integração com o Slack .[40][41]

Em setembro de 2015, o Zoom anunciou a integração da videoconferência do Zoom com a plataforma de gerenciamento de relacionamento com clientes da Salesforce, permitindo que os vendedores iniciassem essas conferências com seus líderes de vendas sem sair do aplicativo.[42] Em abril de 2017, a Zoom lançou o Telehealth, um produto de telessaúde escalável que permite que os médicos visitem remotamente seus pacientes por meio de vídeo para consultas.[43][44] Em maio de 2017, o Zoom anunciou uma parceria com a Polycom que integrou as videoconferências do Zoom nos sistemas de conferência da Polycom, permitindo recursos como reuniões de várias telas e dispositivos, compartilhamento de tela HD e sem fio e integração de calendário com o Microsoft OutlookGoogle Calendar e iCal.[45]

Crítica[editar | editar código-fonte]

Privacidade[editar | editar código-fonte]

O Zoom foi criticado por suas práticas de armazenamento de dados,[46] que incluem sua coleta e armazenamento “do conteúdo contido nas gravações em nuvem e mensagens instantâneas, arquivos, quadros brancos”, além de permitir que os empregadores monitorem os trabalhadores remotamente;[47][48] a Electronic Frontier Foundation alertou que os administradores podem participar de qualquer chamada a qualquer momento “sem consentimento ou aviso imediato para os participantes da chamada”.[49] O Ministério da Defesa do Reino Unido proibiu seu uso,[50][51], assim como o SpaceX[52] e a NASA.[53] Durante a inscrição em uma conta gratuita do Zoom, o Zoom exige que os usuários permitam identificar usuários com suas informações pessoais no Google e também oferece a exclusão permanente de seus contatos do Google. Em 7 de abril de 2020, o Ministério da Educação da Malásia proibiu todas as escolas de todo o país de usar o aplicativo de conferência remota Zoom para realizar aulas on-line, pois apresenta numerosos problemas de segurança e privacidade.

Segurança[editar | editar código-fonte]

O Zoom afirma usar o TLS 1.2 com o Advanced Encryption Standard de 256 bits (AES-256) para o cliente Zoom. Em detalhes, o Zoom usa o TLS 1.2 com AES-256 para proteger a sinalização e usa o AES-128 para proteger os fluxos de áudio e vídeo .[54] O Zoom alega usar ” criptografia de ponta a ponta ” em seus materiais de marketing[55] mas depois esclareceu que significava “do ponto final do Zoom ao ponto final do Zoom” (o que significa efetivamente entre os servidores do Zoom e os clientes do Zoom), o que é enganoso e foi descrito como “desonesto”.[56] Os pesquisadores da Citizenlab também descobriram que, na realidade, uma única chave AES-128 gerada por servidor está sendo compartilhada entre todos os participantes no modo BCE, o que é desaprovado devido às suas características de preservação de padrões do texto cifrado. Durante as chamadas de teste entre os participantes no Canadá e nos EUA, a chave foi provisionada a partir de servidores localizados na China.[57] Inúmeras preocupações de privacidade e segurança,[58][59] em março de 2020, a Procuradora Geral do Estado de Nova York, Letitia James, lançou uma investigação sobre as práticas de privacidade e segurança de Zoom.[60][61] Após essas consultas, o Zoom foi banido das escolas de Nova York pelo Departamento de Educação da cidade de Nova York devido a problemas de segurança e privacidade na plataforma.

Referências

  1.  Maldow, David S. «Zoom’s Full Featured UME Videoconferencing Platform Exceeds Expectations»Telepresence Options
  2.  Novet, Jordan. «Why Zoom has become the darling of remote workers during the COVID-19 crisis»CNBC
  3.  Morrison, Sara. «Zoom responds to its privacy (and porn) problems»Vox
  4.  Maldow, David S. «Zoom’s Full Featured UME Videoconferencing Platform Exceeds Expectations»Telepresence Options
  5.  Pleasant, Robbie. «Zoom Video Communications Reaches 1 Million Participants»TMCnet
  6.  «Teambox Adds High-Definition Video Conferencing, Market Looks for Deeper Collaboration»TechCrunch
  7.  «Vaddio and Zoom Video Communications Partner to Bring Collaboration to The Enterprise»HD Pro Guide
  8.  «Zoom Launches Program with Top Communications Tech Companies»TMCnet
  9.  Chao, Jude. «Zoom Beefs Up Video Conferencing Strategy with New Partners»Enterprise Networking Planet
  10.  «Zoom Video Communications Partners with Industry-Leading Technology Providers» (Nota de imprensa)
  11.  Vena, Danny. «Zoom Is Helping Schools Closing Due to Coronavirus — for Free»The Motley Fool (em inglês)
  12.  «Colleges and Universities Cancel Classes and Move Online Amid Coronavirus Fears»The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331
  13.  Strauss, Valerie. «As schooling rapidly moves online across the country, concerns rise about student data privacy»The Washington post
  14.  Konrad, Alex. «Exclusive: Zoom CEO Eric Yuan Is Giving K-12 Schools His Videoconferencing Tools For Free»Forbes (em inglês)
  15.  Novet, Jordan. «Zoom has added more videoconferencing users this year than in all of 2019 thanks to coronavirus, Bernstein says»CNBC (em inglês)
  16.  Reinicke, Carmen. «Zoom Video has seen its stock spike more than 100% since January as coronavirus pushes millions to work from home (ZM)»markets.businessinsider.com
  17.  «We Live in Zoom Now»The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331
  18.  Parsons, Jeff. «Ok Zoomer: Why Zoom is the world’s new favourite social network»Metro (em inglês)
  19.  «How Coronavirus Is Changing Our Daily Lives: Latest Updates»The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331
  20.  «We Live in Zoom Now»The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331
  21.  Tenbarge, Kat. «How to throw a perfect Zoom party with your friends and family»Business Insider
  22.  «’Zoombombing’ disrupts online classes at University of Southern California»Washington Post
  23.  «USC, school districts getting ‘Zoom-bombed’ with racist taunts, porn as they transition to online meetings»Los Angeles Times
  24.  «Beware of ‘ZoomBombing:’ screensharing filth to video calls»TechCrunch
  25.  «’Zoombombing’: When Video Conferences Go Wrong»The New York Times (em inglês). On Tuesday, Chipotle was forced to end a public Zoom chat that the brand had co-hosted with the musician Lauv after one participant began broadcasting pornography to hundreds of attendees […] “We did encounter an unwanted ‘Zoombomb’ during one of our sessions so we moved our latest performances to a different platform.”
  26.  «How to Keep the Party Crashers from Crashing Your Zoom Event»
  27.  «Zoom under increased scrutiny as popularity soars»BBC News (em inglês)
  28.  Iyengar, Rishi. «Zoom CEO apologizes for having ‘fallen short’ on privacy and security»CNN
  29.  «Zoom says engineers will focus on security and safety issues»The GuardianISSN 0261-3077 – via http://www.theguardian.com
  30.  Steven M. Bellovin. «SMBlog — 2 April 2020»
  31.  «Zoom Achieves FedRAMP “In Process” Milestone»Convergent (em inglês)
  32.  «Is Zoom a HIPAA Compliant Video and Web Conferencing Platform?»HIPAA Journal (em inglês)
  33.  «Build patient engagement with compliant video conferencing»http://www.bitpipe.com
  34.  «Official Statement: EU GDPR Compliance»Zoom Help Center (em inglês)
  35.  «Awards Archives»Zoom blog
  36.  Mossberg, Walter S. «A Chance To Call 15 Friends To Video Chat In High Def»Wall Street Journal
  37.  Burt, Jeffrey. «Zoom Doubles Capacity of Video Conferencing Service to 50»eWeek
  38.  «Video Conferencing, Web Conferencing, Webinars, Screen Sharing»Zoom Video (em inglês)
  39.  «Skype vs. Zoom: Which video chat app is best for working from home?»CNET
  40.  «Announcement: Zoom Slack Integration»Zoom Blog
  41.  «Zoom Announces Native Skype for Business Interoperability»http://www.msn.com
  42.  Delony, David. «Zoom Announces Salesforce Integration»TMCnet
  43.  «Zoom Introduces New Telehealth Solution»TMCnet
  44.  Inc, Zoom Video Communications. «Zoom Launches Industry’s First Scalable Cloud-Based Video Telehealth Solution»GlobeNewswire News Room
  45.  «Polycom, Zoom forge video conferencing, collaboration pact | ZDNet»ZDNet (em inglês)
  46.  «Zoom Calls Aren’t as Private as You May Think. Here’s What You Should Know.»Consumer Reports
  47.  «Zoom’s A Lifeline During COVID-19: This Is Why It’s Also A Privacy Risk»Forbes (em inglês). collects and stores personal data and shares it with third parties such as advertisers. But Zoom’s policy also covers what it labels “customer content,” or “the content contained in cloud recordings, and instant messages, files, whiteboards … shared while using the service.” This includes videos, transcripts that can be generated automatically, documents shared on screen, and the names of everyone on a call.
  48.  «Zoom is a work-from-home privacy disaster waiting to happen»Mashable
  49.  Oliver, Lindsay. «What You Should Know About Online Tools During the COVID-19 Crisis»Electronic Frontier Foundation
  50.  «Concern over Zoom video conferencing after MoD bans it over security fears»
  51.  «Coronavirus: Cabinet talks held on Zoom days after software was banned by Ministry of Defence»Sky News
  52.  «Elon Musk’s SpaceX Bans Zoom Over Privacy Concerns – Memo»nytimes.com (em inglês)
  53.  «Elon Musk’s SpaceX bans Zoom over privacy concerns, memo shows»CNBC (em inglês). NASA, one of SpaceX’s biggest customers, also prohibits its employees from using Zoom, said Stephanie Schierholz, a spokeswoman for the U.S. space agency.
  54.  «Encryption for Meetings – Zoom Help Center»Zoom (em inglês)
  55.  [hhttps://support.zoom.us/hc/en-us/articles/207599823-End-To-End-Encryption-for-Chat «End-To-End Encryption for Chat – Zoom Help Center»]. Zoom (em inglês)
  56.  Lee, Micah. «Zoom Meetings Aren’t End-to-End Encrypted, Despite Misleading Marketing»The Intercept (em inglês). Currently, it is not possible to enable E2E encryption for Zoom video meetings. (…) When we use the phrase ‘End to End’ in our other literature, it is in reference to the connection being encrypted from Zoom end point to Zoom end point.
  57.  «Move Fast & Roll Your Own Crypto: A Quick Look at the Confidentiality of Zoom Meetings»The Citizen Lab (em inglês)
  58.  «’Zoom is malware’: why experts worry about the video conferencing platform»The GuardianISSN 0261-3077 – via http://www.theguardian.com
  59.  «Is Zoom safe and can it be hacked?»The Independent
  60.  «New York Attorney General Looks Into Zoom’s Privacy Practices»The New York TimesISSN 0362-4331 – via NYTimes.com
  61.  «Privacy concerns grow over Zoom videoconferencing platform»http://www.ft.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s