Quais os sintomas da doença do carrapato em gatos?


Os sinais costumam ser inespecíficos, ou seja, são semelhantes ao de diversas doenças e por isso pouco conclusivos. Os sintomas da doença de carrapato em gatos mais comuns são:

  • Falta de apetite
  • Perda de peso
  • Febre
  • Mucosas pálidas
  • Vômitos
  • Diarreia
  • Letargia
Doença do carrapato em gatos (Erliquiose Felina) - sintomas, diagnóstico e tratamento! - Quais os sintomas da doença do carrapato em gatos?

Diagnóstico da doença de carrapato em gatos

O médico veterinário perante a suspeita de doença de carrapato em gatos, faz algumas provas laboratoriais. As alterações laboratoriais mais comuns da erliquiose felina são:

  • Anemia não regenerativa
  • Leucopenia ou leucocitose
  • Neutrofilia
  • Linfocitose
  • Monocitose
  • Trombocitopenia
  • Hiperglobulinemia

Para ter um diagnóstico definitivo, o médico veterinário costuma se auxiliar de uma prova chamada de esfregaço sanguíneo, que basicamente permite observar o micro-organismo no sangue com o microscópio. Esta prova nem sempre é conclusiva e por isso o veterinário pode precisar também da prova de PCR.

Para além disso, não estranhe se o seu médico veterinário realizar outras provas como o Raio X, que permite ver se existem outros órgãos afetados.

Tratamento da erliquiose felina

O tratamento da erliquiose felina depende de cada caso e da sintomatologia. Geralmente, o médico veterinário utiliza antibióticos do grupo das tetraciclinas. A duração do tratamento também é variável, sendo por média de 10 a 21 dias.

Nos casos mais graves, pode ser necessário internar o gato e fazer terapia de suporte. Para além disso, nos casos de gatos com anemia grave, pode ser necessário uma transfusão sanguínea.

Se o problema for detectado a tempo e o tratamento inciado de imediato, o prognóstico é positivo. Por outro lado, gatos com o sistema imunitário comprometido, têm um pior prognóstico. O importante é que você siga à risca o tratamento e indicações do profissional que está acompanhando o caso.

Como prevenir a doença do carrapato em gatos

Embora seja menos comum que os gatos sejam infetados por doenças transmitidas pelo carrapato ou outros artrópodes, isso pode acontecer! Por isso, é essencial que você mantenha o plano de desparasitação sempre atualizado pelo seu médico veterinário e observe diariamente a pele do seu felino. Leia o nosso artigo completo sobre as doenças que os carrapatos podem transmitir.

Caso você detecte qualquer sintoma ou alteração comportamental estranha no seu gato, consulte de imediato o seu médico veterinário de confiança. Ninguém melhor do que você conhece o seu felino e se a sua intuição diz que algo não está certo, não hesite. Quanto mais cedo um problema for diagnosticado, melhor é o prognóstico!

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Doença do carrapato em gatos (Erliquiose Felina) – sintomas, diagnóstico e tratamento!, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Doenças parasitárias.

Referências
  1. Lappin M. (2001) Feline ehrlichiosis and hemobartonellosis. Proceedings of the 26th World Small Animal Veterinary Association World Congress; Vancouver, BC.
Bibliografia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s