Esporotricose tem cura?


06/03/2018

Sim, a esporotricose tem tratamento e pode ser curada. Em alguns casos a doença pode reaparecer mesmo após o animal ter sido considerado curado, principalmente se o tratamento não for realizado da forma correta. É muito importante a realização de um acompanhamento do animal pelo veterinário, para verificar a necessidade de associação de outras terapias.

Animais já tratados e que estejam de alta também podem contrair novamente a doença – por isso, é de grande importância evitar que o animal saudável tenha acesso à rua. A higienização diária do ambiente onde o animal doente se encontra ajuda a reduzir a quantidade de fungo, bem como uma nova contaminação. Vale destacar, ainda, que quanto antes o animal for diagnosticado e tratado, menor é o risco de transmissão e que a manipulação de um animal doente deve sempre ser feita com o uso de luvas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s