Ação Correta


 

Samma Kammanto

Ação Correta é o quarto elemento do Nobre Caminho Óctuplo e pertence ao grupo da virtude



Definição

“E o que é ação correta? Abster-se de destruir a vida, abster-se de tomar aquilo que não for dado, abster-se da conduta sexual imprópria. A isto se chama de ação correta.”

— SN XLV.8

Sua relação com os demais elementos do caminho

“E como é que o entendimento correto vem primeiro? A pessoa compreende a ação incorreta como ação incorreta, e ação correta como ação correta. E o que é ação incorreta? Matar seres vivos, tomar aquilo que não é dado e comportamento impróprio em relação aos prazeres sensuais: essa é a ação incorreta.

“A pessoa faz o esforço para abandonar a ação incorreta e entrar na ação correta: Esse é o esforço correto da pessoa. A pessoa com atenção plena abandona abandona a ação incorreta e entra e permanece na ação correta: essa é a atenção plena correta da pessoa. Assim essas três qualidades – entendimento corretoesforço correto, e atenção plena correta – giram em torno da ação correta.”

— MN 117

Uma vida vivida com habilidade

“Tendo seguido a vida santa e de posse do treinamento e estilo de vida de um bhikkhu, abandonando tirar a vida de outros seres, ele se abstém de tirar a vida de outros seres; ele permanece com a sua vara e arma postas de lado, bondoso e gentil, compassivo com todos os seres vivos. Abandonando tomar o que não seja dado, ele se abstém de tomar o que não é dado; tomando somente aquilo que é dado, aceitando somente aquilo que é dado, não roubando ele permanece puro. Abandonando o não celibato, ele vive uma vida celibatária, vive separado, abstendo-se da prática vulgar do ato sexual.”

— MN 27

A habilidade de uma pessoa leiga

“E como alguém se torna puro de três formas pela ação corporal? É o caso em que alguém, abandonando matar seres vivos, se abstém de matar seres vivos; ele permanece com a sua vara e arma postas de lado, bondoso e gentil, compassivo com todos os seres vivos. Abandonando tomar o que não seja dado, ele se abstém de tomar o que não é dado; ele não toma, como se fosse um ladrão, os bens e propriedades de outros num vilarejo ou na floresta. Abandonando a conduta imprópria com relação aos prazeres sensuais, ele se abstém da conduta imprópria com relação aos prazeres sensuais; ele não se envolve sexualmente com quem está sob a proteção da mãe, do pai, dos irmãos, das irmãs, dos parentes, que possuem esposo, protegidas pela lei ou mesmo com quem esteja coroada de flores por um outro homem. Assim é como alguém se torna puro de três formas pela ação corporal.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s