Descubra as Vantagens do Quaternário de 5ª Geração


Sempre existiu a preocupação e necessidade em combater microrganismos patogênicos ao homem em superfícies e objetos inanimados, como casas, hospitais, escolas, restaurantes e afins.

Atualmente a Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária, dispõe de regulamentação de produto do tipo desinfetante e sanitizantes para diversas superfícies através da RDC35/2010 produtos com ação antimicrobiana utilizados em artigos semi-críticos e críticos.

Quaternários de amônio são uma família de compostos anti-microbianos agentes ativos catiónicos fortes, e possuem atividade desinfetante poderosa, tanto para as bactérias gram-positivas, quanto para bactérias gram-negativas (embora este último em menor grau).

Os Quaternários de amônio podem ser utilizados como ativos desinfetantes em:

  • Desinfetantes comuns
  • Desinfetantes semi críticos (superfícies dura)
  • Fungicidas
  • Viruscidas
  • Germicidas
  • Bactericidas
  • Bacteriostáticos
  • Agentes de controle de fungos e bolor.

Além disso, quaternários podem ser usados ​​como microbiocidas para uso na fabricação de papel e papelão, algicidas para uso em piscinas e/ou torres de resfriamento de água em recirculação, e incorporados como conservantes em diversos segmentos.

Quaternários tem inúmero outros usos relacionados, devido às suas largas propriedades de espectro, eficácia, e físico/químicos. Eles também aumentam a capacidade de limpeza de formulações de detergentes.

Embora quaternários de amônio possuam vários benefícios, também têm diversos aspectos negativos. Quaternários são difíceis de usar em formulações, uma vez que carecem de compatibilidade com muitos compostos. Por exemplo, aniônicos neutralizam quaternários e podem precipitá-los como insolúveis, tornando-os ineficazes.

Quaternário-de-5-Geração

1°, 2°, 3° e 4° geração de quaternários

cloreto de benzalcônio foi o primeiro composto derivado de quaternário de amônio e introduzido no mercado.

Também conhecido como Cloreto de N-alquil dimetil benzil amônio, esta cadeia alquil pode ter variações da composição do número de carbonos. As cadeias de alquil C-12 e C-14 são as mais poderosas antibacterianas.

Os compostos de quaternário de amônio denominados segunda geração (cloreto etilbenzil) e terceira geração (primeira e segunda geração misto) são os compostos que permanecem mais ativos na presença de água dura. A sua ação bactericida é atribuída a inativação de enzimas, desnaturação de proteínas essenciais e ruptura da membrana celular. A terceira geração de quaternários têm uma atividade biocida aumentada e o aumento da resistência bacteriana a utilização constante de uma única molécula.

A quarta geração de Quaternários são conhecidos como “Quaternários de cadeia linear”, com correntes que são lineares dialquil e sem o anel de benzeno. Estes incluem Cloreto de dimetil amônio, Cloreto de dimetil dioctil amônio, Cloreto de didecil Dimetil Amónio, cada um isolado. Estes quaternários têm atividade germicida superior, são de baixa formação de espuma e tem uma alta tolerância às cargas de proteínas e água dura. Eles são indicados para desinfecção na indústria alimentar e de bebidas, dada a sua baixa toxicidade.

Quais as vantagens do Quaternário de quinta geração em relação ao Cloreto de Benzalcônio?

Quando descobriram a cadeia linear (Cloreto de didecil dimetil amônio) de quaternário de Amônio, percebeu-se que a mesma possuía um poder bactericida superior aos quaternários convencionais anteriores (com cadeia benzil).

Mesmo com desempenho superior, os custos mais elevados não permitiam a utilização em aplicações comuns, então surgiu a opção de realizar um blend com os Quaternários convencionais, afim de reduzir os custos e tornar viável a utilização em aplicações com menor rentabilidade. E os resultados foram muito melhores que o próprio quaternário com cadeia linear.

E como isso foi possível?

Ocorre que o Cloreto de didecil dimetil amônio possui duas cadeias C10, e o Cloreto de n-Alquil dimetil benzil amônio é composto por cadeias C-12, C-14 e C16 (traços), logo ao realizar o blend, o espectro de atuação é maior e muito mais efetivo.

Vantagens

E quais são as vantagens de se utilizar o quaternário de quinta geração?

Trabalhando com o quaternário convencional, seria necessário pelo menos 0,6% de ativo para realizar uma desinfecção comum, combater Salmonellas e Staphilococcus. Já com o quaternário avançado, 0,32% de ativo, você terá o mesmo poder de desinfecção. Isto proporciona um custo x benefício superior, ou seja, o poder de desinfecção se mantém, com custo menores, em outras palavras, uma redução em torno de 13% (para este item) na substituição do ativo.

Aplicações

A tabela a seguir apresenta algumas das principais aplicações com quaternário de 5° geração, suas dosagens, e requisitos legais para sua utilização:

POLYBAC QT 80 (Cloreto de n-alquil dimetil benzil amônio + Cloreto de didecil dimetil amônio)
Aplicações Dosagens (%) Requisitos legais Observações
Desinfecção comum 0,4% RDC 35/2010 da ANVISA
Desinfecção Hospitalar semicrítica 7,0 – 9,0% com diluição 1:200 RDC 35/2010 da ANVISA Geralmente é feito um blend com biguanída polimérica (PHMB)
Algicída em água de torres de resfriamento 50 – 100mg/L Não aplicável
Sanitizantes 50 – 100ppm RDC 35/2010 da ANVISA

Nosso Quaternário de amônio de 5° Geração 

Polybac QT 80 é um quaternário de 5° geração com 80% de ativo, trata-se de uma mistura balanceada de Cloreto de n-Alquil dimetil benzil amônio + Cloreto didecil dimetil amônio na proporção 70/30.

Nosso produto possui excelentes propriedades bactericidas, fungicidas e algicídas, com laudo de eficiência em laboratórios reblados (certificados pela ANVISA), com concentrações de 0,3% de produto tal qual, para desinfecção comum. Vide abaixo laudos de nosso controle de qualidade.

atividade-microbiana-Staphylococcus
Relatório de Ensaio Atividade Microbiana Staphylococcus

 

atividade-microbiana-Salmonella
Relatório de Ensaio Atividade Microbiana Salmonella

Além disso, recomendamos o uso do Polybac QT 80 como tensoativo e descarbonizante em formulações de limpa forno, limpa motor, desengraxantes, entre outras aplicações.

A Polyorganic dispõe de todo conhecimento técnico e comercial necessário para o desenvolvimento de desinfetantes comuns, desinfetantes hospitalares, sanitizantes e limpadores.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s