Michael Phelps: 6 Lições do Maior Atleta Olímpico do Mundo! [Com Vídeo]


1394
Compartilhar no Facebook
Tweet no Twitter

 

Michael Phelps é o maior medalhista Olímpico de todos os tempos, com 28 medalhas olímpicas. O seu sucesso extremo foi responsável por aumentar a visibilidade da natação e arrastar milhões de jovens que buscam qualidade de vida e, quem sabe, se tornarem um atleta também como Phelps.
Claro que Michael Phelps não conseguiu tudo isso sozinho. Ele teve o apoio de várias pessoas, principalmente do seu treinador, Bob Bowman. Phelps credita o seu sucesso a Bowman, e diz que não teria chegado aonde chegou se não fosse por ele. Os dois se conheceram quando Michael Phelps tinha apenas 11 anos, e a partir daí, o resto é história – que foi contada no livro de Bowman – sobre as 10 Regras que fizeram de Michael Phelps o maior campeão de todos os tempos.
Veja só algumas delas:

1 – Estabeleça objetivos claros e desafiadores

“Eu acho que objetivos nunca devem ser fáceis, eles devem forçar você a trabalhar, mesmo se eles forem desconfortáveis no momento.” ~ Michael Phelps
Quando Michael Phelps tinha apenas 11 anos, Bob Bowman lhe ensinou a escrever os seus objetivos específicos em um pedaço de papel, e olhar para ele todos os dias. Bob Bowman pediu para que ele colocasse este papel em um local onde Phelps veria todos os dias, com frequência. E então eles tiveram a ideia de colocar o papel dentro da geladeira, porque nessa época, Michael Phelps, em fase de crescimento, estava comendo muito e abrindo a geladeira a todo momento.
E então Bob Bowman pediu para que Phelps escrevesse os seguintes objetivos:
  • O principal e mais importante, aquele de longo prazo. Phelps escreveu que queria nadar nas Olimpíadas
  • Três objetivos para o próximo ano. Phelps escreveu algo como “fazer determinado tempo no campeonato x, ganhar o campeonado y.”
  • Três metas para alcançar os objetivos do próximo ano. Exemplo: melhorar a virada, o grau de inclinação que entra na água, o tempo em determinado evento, etc.
Perceba que o primeiro grande objetivo era objetivo de longo prazo, década. Os próximos três objetivos, eram os objetivos do ano. E os últimos, os objetivos que deveriam ser observados diariamente. Bob Bowman afirma que os objetivos mais importantes são aqueles que você busca todos os dias, pois eles são os que realmente vão te levar para o objetivo final. Se você deixa de treinar para dormir mais tarde na segunda-feira, você está dando um passo para trás. Se você comeu aquele hambúrguer e saiu da dieta, você deu outro passo para trás. O objetivo principal é resultado do acúmulo – do conjunto – de milhares de decisões que você tomou diariamente.
Todos os dias você deve se questionar: “O que estou fazendo hoje e agora, irá me ajudar a chegar onde eu quero chegar?”
Você deve acordar todos os dias e entender porque você está trabalhando diariamente neste objetivo. Deve ser um motivo que vai além de dinheiro, além de fama. Tem que ser algo que te move, que te faz perseguir mesmo nos dias em que você não está motivado. Michael Phelps também acredita que não pode ser algo muito fácil de atingir. Tem que ser estimulante e desafiador.

 2 – Trabalhe duro. Fique desconfortável todos os dias do ano!

Veja também: O Incrível Poder do Desconforto, com David Goggins

“Os grandes fazem as coisas quando eles nem sempre querem fazer. Eu acho que isso é o que separa os bons dos excelentes.” ~ Michael Phelps
Não há substituto pro trabalho duro. Você tem que estar disposto a se sacrificar todos os dias se quiser alcançar alguma coisa relevante na vida. Você não pode trabalhar apenas quando sentir vontade. Michael Phelps passou seis anos treinando todos os dias no ano, inclusive no natal, reveillon…
Quando perguntaram para ele se ele havia descansado pelo menos no dia do seu aniversário, Phelps respondeu que no dia do seu aniversário ele treinou o dobro. Porque esse foi o presente que o seu treinador lhe deu, já que ele queria ser o maior nadador de todos os tempos!

3 – Preste atenção nos detalhes

De acordo com o outro treinador de Phelps, Jon Urbanchek, uma das coisas que Michael Phelps faz melhor é observar os pequenos detalhes, sempre que ele treina. Michael Phelps é perfeccionista, ele repetia o seu treinamento, a virada, a inclinação que entrava na água, todos os detalhes para deixar o seu desempenho o melhor possível. Michael Phelps inclusive afirmou que ao longo do tempo, ele passou a competir cada vez mais consigo mesmo, porque ele era muito duro e se cobrava muito.
Seja perfeccionista e nunca esteja satisfeito!

4 – Fique calmo e relaxado antes da prova

“Não importa o que mais esteja acontecendo. Quando você entra na sua arena – ou em algo que você se destaca – você está lá para fazer o trabalho que você tem que fazer”. ~ Michael Phelps
Bob Bowman afirma que atletas campeões entregam resultados previsíveis em ambientes imprevisíveis. Estes atletas tem a capacidade de focar mesmo quando tudo ao seu redor não sai como o planejado. Bob alega que essa é a característica principal do atleta olímpico. De nada adianta treinar e fazer tudo de forma excepcional, se você perder a calma e a capacidade de se concentrar no momento crucial. As Olimpíadas acontecem apenas uma vez a cada quatro anos, e alguns atletas tem a chance de participar apenas uma vez na vida.
O segredo é treinar muito, mais do que todos. O grande volume de treinamento te faz se sentir preparado, aumenta a sua autoestima, e faz você se sentir seguro.
Isso serve para aquela prova de concurso público, para apresentar projetos, palestras, buscar investidores e sócios, ou qualquer coisa que exija preparo e concentração. O segredo é treinar, treinar, treinar e treinar. Só isso te dará autoconfiança e a sensação de que está preparado.

5 – Visualize.

“Com tantas pessoas dizendo que não pode ser feito, tudo o que precisa é de imaginação.” ~ Michael Phelps
Bob Bowman afirma que a visualização é essencial para boa performance. Você deve se enxergar ganhando, deve enxergar situações imprevisíveis antes mesmo que elas aconteçam, e se preparar para agir em vários cenários. Você deve se enxergar de fora, como se fosse uma terceira pessoa vendo você atuar.
Foi assim que Phelps conseguiu terminar a sua prova de 200 metros quando o seu óculos se encheu de água nos primeiros 50 metros. Ele já havia treinado isso antes, e por isso sabia quantas braçadas eram necessárias para atravessar a piscina. E também já havia se imaginado nesta situação, o que lhe permitiu manter a calma.
E então ele fez a única, e melhor, coisa que podia ter feito – simplesmente contou as braçadas e finalizou a prova.

6 – Acredite em si mesmo.

“Se você diz ‘não posso’, você restringe aquilo que você pode ou poderia fazer” ~ Michael Phelps
Se você não acreditar em si mesmo, você não irá se dedicar no treinamento. Afinal, para que treinar, se você acha que você não é capaz de ser melhor?
Bob Bowman afirma que você é arrastado para a imagem mental que você considera ser a mais forte. Se você pensar que você não é tão bom assim, mas é bom o suficiente, você vai continuar nessa situação, porque não acredita que pode melhorar. Mas se você se imaginar como um campeão, você irá trabalhar duro todos os dias, e fazer o que for preciso para chegar na realidade em que você considera que merece.

Você, através das suas escolhas diárias, é puxado para a realidade que você acredita merecer.

https://ws-na.amazon-adsystem.com/widgets/q?ServiceVersion=20070822&OneJS=1&Operation=GetAdHtml&MarketPlace=BR&source=ac&ref=qf_sp_asin_til&ad_type=product_link&tracking_id=buyandhol-20&marketplace=amazon&region=BR&placement=8557170629&asins=8557170629&linkId=dab01513f765f3506b90ce853c8fdbf9&show_border=true&link_opens_in_new_window=true&price_color=333333&title_color=0066c0&bg_color=ffffff

Bob Bowman, técnico do recordista mundial Michael Phelps, é um dos mais bem-sucedidos treinadores da história esportiva. Ele é conhecido por sua intensa personalidade, sua incrível dedicação a seus atletas e sua habilidade para desenvolver o talento em jovens que têm verdadeira vontade de vencer. Mas como ele consegue motivar tanta gente? Em “As Regras de Ouro”, Bowman descreve os dez passos do método que costuma usar com seus nadadores e que podem ser adotados por qualquer pessoa em busca de excelência, seja na carreira, nos objetivos educacionais ou nos relacionamentos.

Agora veja o vídeo “A Mente de um Campeão, com Michael Phelps & Bob Bowman”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s