Motivação – Assuma a responsabilidade por seus atos


Motivação – Assuma a responsabilidade por seus atos

Assuma a responsabilidade por suas ações e também por suas inações. Considere-se responsável pelo seu próprio padrão – e que seja um padrão mais alto do que o das pessoas à sua volta. Leve suas obrigações a sério, mas se trate com leveza. Admita seus erros quando cometê-los e pense no que aprendeu com eles.

  

Olhe-se no espelho e faça as seguintes perguntas: “Eu fiz o que disse que faria quando disse que faria?”, “Eu ouvi os conselhos dos meus colegas?”, “Eu avaliei todos os fatos, os prós e os contras?”, “Eu estava aberto para sugestões?”, “Eu fiz o melhor trabalho possível?”.

Faça as coisas sem ter de ser lembrado e seja o mais rigoroso crítico de si mesmo ao avaliar o que fez. Deixe seu supervisor sempre a par do andamento do seu trabalho.

Por exemplo, antes de terminar uma tarefa, forneça um relatório temporário da situação com recomendações experimentais, a fim de avaliar as reações e preocupações da gerência.

Seja uma pessoa de palavra e proponha-se a cumprir sempre seus compromissos. Se mudar o compromisso ou plano assumido, verifique se a outra parte está de acordo.

Fonte: Livro Faça o que tem de ser Feito

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s