“A gente é vencedor por opção. Escolhemos o que fazemos na vida”


 

1: Ter um propósito maior que o lucro

“Pense naquilo que você faz além da atividade principal de sua empresa. Você é capaz de fazer algo além do objetivo do lucro? Pense no que vai acontecer se sua empresa deixar de existir. Se ela acabar, outra ocupará o lugar. Mas ocupará mesmo? É o que eu dizia no GPA e procuro fazer na BRF: a concorrência pode copiar tudo que fazemos, mas nunca vai conseguir copiar aquilo que somos. Aí é nosso diferencial. Se fizermos algo além, quando deixarmos de existir, ninguém nunca vai superar aquilo que nós fomos ou somos”

2: Tudo só funciona com as pessoas certas

“Uma gestão eficiente é fundamental para qualquer empresa e gestão se resume em gente e processo, processo e gente”, ou seja, monte boas equipes com competências complementares e nas quais você confie, tenha uma cultura organizacional forte e dê feedbaks frequentes para seu time, assim ele se desenvolverá cada vez mais.

Mais do que isso, é preciso valorizar as pessoas da sua empresa e motivá-las constantemente. “Leve em consideração cada um que trabalha com você e faça com eles se sintam donos do negócio. Integre-os dentro da empresa. Como fazer com que 10 mil pessoas na BRF sintam-se donas? É uma questão de criar cultura.

3: Seja um líder humano

As lideranças são peças fundamentais em negócios vencedores. Serão os líderes que vão puxar o pique da equipe e dar o exemplo. “Eu costumo dizer que líder é aquele homem do terno cinzento – que quase some na multidão, mas é líder, humano, solidário e sabe dividir. Em empresas menores, de até 50 funcionários, ter uma liderança assim faz ainda mais diferença”, explica o empresário.

Mais uma coisa: o líder não tem como saber de tudo, e precisa estar ciente disso. “Esteja pronto para ouvir, aprender, dialogar mais e aceitar a opinião dos outros”.

4: Antecipe-se e tenha equilíbrio

Planejar é muito importante. Como você quer estar daqui 10 anos? O que pretende ter realizado? A dica de Abilio Diniz para o empreendedor é que ele deve colocar um objetivo e seguir em frente, sempre com aquele objetivo em mente.

Além disso, ele frisa que é muito importante, além de ter um objetivo, saber conciliar vida pessoal e particular. “Eu aprendi a conciliar meu papel de gestor, pai, marido, amigo e várias outras atividades profissionais e sociais. Tenha sabedoria para manter tudo em equilíbrio. As pessoas que têm equilíbrio emocional performam melhor”, afirma.

5: Exercite seu corpo, liste prioridades e pratique o autoconhecimento

Corpo são, mente sã. Você já ouviu esse ditado não é mesmo? E é a mais pura verdade. Você não precisa virar maratonista, mas a atividade física te ajuda a relaxar e ser mais focado. O exercício físico também te ajuda a lidar com o estresse.

Além disso, o empresário destaca a importância do empreendedor se conhecer. Um empreendedor que se conhece de verdade consegue definir que atividades deve centralizar, e quais deve delegar. Sabe quais são suas limitações, mas também suas habilidades e pontos fortes nos quais se destaca.

A autoliderança praticada por Abilio Diniz pode ser resumida no “Pratique o autoconhecimento para saber quem está lá dentro de você, porque você se emociona com isso e vibra com aquilo. Assim, você saberá se relacionar melhor com as pessoas com que convive”.

Se você quiser se aprofundar e conhecer de perto os bastidores que fizeram o Pão de Açúcar escalar, crescer e adquirir novas empresas, participe no dia 14 de setembro da Mentoria Online, a partir das 17h.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s