7 erros que podem destruir uma equipe


Você ou algum conhecido(a) já deve ter passado por uma situação similar, onde o “patrão”, tem comportamentos desagregadores e que destoa muito do que ele mesmo prega.

É impressionante que em 2017, um dono de empresa, depois de mais de 12 meses não tenha sequer se apresentado a sua equipe, em nenhum momento retornou com um obrigado ou talvez: – seja bem vindo,  estou falando de uma pequena empresa com aproximadamente 10 pessoas na equipe, este foi apenas um dos casos que vivenciei recentemente.

Tenho empresas desde 2001, minha equipe é composta de aproximadamente 50 pessoas em 4 projetos,  não me considero um bom líder, pelo contrário, tenho muito a aprender e dentre os pontos que passei a dar mais atenção e valor é que no passado eu só investia em cursos e treinamentos para expandir os negócios e esquecia que empresas são feitas de pessoas e se você não compreender quais são os anseios e objetivos de cada um, dificilmente terá uma equipe coesa trabalhando em conjunto.

Em minhas andanças observei que alguns erros são mais comuns, confira:

1) Ego Inflado – Quando o sujeito acredita ser o centro do universo. Ele se acha o cara! 🙁

2) Subtração de ideias – fico pasmo de ver “líderes”, “patrões”  apropriarem-se das ideias vindas dos colaboradores; Não estou referindo-me a reconhecimento, no caso citado, o “chefe” parece nem perceber que a ideia não veio dele.

3) Sobra inteligência, falta sabedoria. Já encontrei donos de empresas muito inteligentes, mas percebi que faltava discernimento nas tomadas de decisões, o que acredito muito ter faltado sabedoria neste momento.

4)  Ideias não tem valor – tem muitos “líderes” que têm muitas ideias, o valor está na execução e de nada adianta só jogar a bola para colaboradores se a tal ideia não foi bem pensada ou estruturada para um bom funcionamento. É necessário acompanhamento para alinhamento e realinhamento durante a execução. Delegar algo não é largar…

5) O coice do patrão – o também conhecido chefe Gabrielão, parafraseando a música – “Eu nasci assim, eu cresci assim, eu morrerei assim, Gabriela lá…”
É comum ver chefes com comportamentos que dão coices ou respostas atravessadas o dia todo e quando o mesmo é questionado alguns falam, mas ele é assim mesmo, ou seja, as pessoas precisam mudar ou se adequar ao patrão, afinal ele é o centro do universo e ele não tem necessidade de refletir sobre as grosserias proferidas durante o dia a dia junto a maioria das pessoas.

6) Humildade – Neste caso, eu posso dizer que levei um bom tempo a compreender que existia muitos colaboradores muito mais inteligentes do que eu. A partir do momento que eu passei a ouvir mais e falar menos, passamos a ter muito mais resultados em áreas que até então eu não estava satisfeito.

7) Falta de tempo e acessibilidade – Líder deve ser acessível. Se o “patrão” não tem tempo para um cafezinho com um colaborador está na hora de direcionar atenção a uma melhor gestão de tempo. Minha empresa principal está completando 11 anos de vida, faz 4 anos que mudamos para um prédio onde não temos paredes ou  divisórias, são 200 metros quadrados, onde líderes, diretores e colaboradores sentam-se todos juntos. É claro que para assuntos reservados temos salas separadas de reunião. Foi a melhor decisão, o time ficou muito mais entrosado neste formato.

O ponto central não é errar e sim a falta de humildade em reconhecer que sempre será necessário melhorar seus comportamentos.  Também não adianta ficar reclamando do “patrão”, se eventualmente você como colaborador percebe que as mudanças não chegarão, procure novos rumos para sua vida, nada justifica trabalhar em algo sem propósito, que não agregue algo para sua vida pessoal e profissional.

 

andrebianchiAndré Bianchi

Linkedin: br.linkedin.com/in/andrebianchi10
Facebook: https://www.facebook.com/andre.bianchi.92
CEO e Diretor de Missões Internacionais ao Vale do Silício BWi Participações (desde 2013) (www.bwiparticipacoes.com.br)
Sócio e Conselheiro Grupo GV8 (Desde 2006) (www.gv8.com.br)
Sócio – Diretor de Negócios A Magia do Mundo dos Negócios (www.amagiadomundodosnegocios.com.br)
Presidente ABRADi-ISP (2013-2015),
Diretor Comitê Empreendedorismo ABRADi Nacional ( 2015-2016)
Investidor: IEV Digital, Terere House, Fraternal Shop, PPt Slides e Certificadora Digital Gigatron Bauru
Membro Banca de Investidores Acelera Startup – FIESP ( 4ª e 5ª Edição)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s