Isolamento Social


Compartilhar
Enviar

Na sociologia, o isolamento social é um fenômeno sócio cultural que denota a falta de interação social, ou seja, a ausência de contato entre os indivíduos.

Trata-se, portanto, de uma condição (voluntária ou não) donde alguns indivíduos (isolamento individual) ou grupos sociais (isolamento grupal), por diversos motivos, preferem o isolamento da sociedade.

As pessoas que sofrem de isolamento social possuem muitas dificuldades de se relacionarem e, por isso, se afastam do convívio social, o que pode levar a diminuição das funções mentais, e nos casos mais extremos, problemas psiquiátricos.

Nesse caso, as pessoas deixam de participar de diversas atividades em sociedade, fenômeno que pode ser gerado pela exclusão social. Geralmente esse conceito está relacionado com as minorias, por exemplo, os idosos, os negros, os obesos, dentre outros.

Atualmente, para reverter os quadros de isolamento social, existem diversas terapias, tratamento psicológicos e psiquiátricos.

Causas

O isolamento social é causado por diversos fatores. As principais causas do isolamento social estão relacionadas aos diversos tipos de preconceito (étnico, cultural, religioso, econômico, aparência física, etc.), ou seja, as pessoas (ou grupos) que sofrem algum tipo de discriminação, podem preferir se isolarem da sociedade.

Alguns problemas ocorridos desde a infância, por exemplo em nível familiar, também podem levar ao isolamento social. Pessoas ou grupos marginalizados, os quais não exercem plenamente a cidadania e são excluídos por algum motivo, podem levar ao processo de isolamento.

Geralmente, as pessoas que sofrem com o isolamento social, são tímidas, inseguras e expressam sentimentos de inferioridade que, por algum motivo, resultaram de problemas de relacionamento durante a infância ou adolescência. Nesse caso, podemos citar o bullying cyberbulliyng, tipos de preconceito muito praticado entre os adolescentes.

Ambos expressam agressões físicas e psíquicas (real ou virtual) em que o indivíduo se sente rejeitado (seja por aparência, deficiência, classe social, etc.) e acaba por se isolar do resto da sociedade. Por esse motivo, os “isolados” normalmente não tem amigos ou relações mais fortes de confiança.

Consequências

Diversas consequências denotam a isolamento social e podem levar a perturbações de ordem psíquica:

  • Individualismo
  • Fobia Social
  • Solidão
  • Depressão
  • Stress
  • Tristeza
  • Rejeição
  • Loucura
  • Ansiedade
  • Esquizofrenia
  • Toxicodependência
  • Misantropia
  • Suicídio

Visto os problemas que podem causar nos indivíduos, o isolamento social leva a diversas ações que podem ser prejudiciais à saúde física e mental, por exemplo: alterações de humor, de pressão, baixa estima, comportamento antissociais, agressividade, desenvolvimento de patologias, dentre outros.

O isolamento social pode levar as pessoas a terem fobias de se relacionarem (fobia social) e, portanto, de terem um trabalho, participarem de eventos sociais ou mesmo de sair para fazer compras.

Tipos de Isolamento

Dependendo dos fatores envolvidos, há diversos tipos de isolamento, a saber:

  • Isolamento Geográfico
  • Isolamento Social
  • Isolamento Cultural
  • Isolamento Psíquico

Interação Social

A interação social é um conceito oposto ao de isolamento social, uma vez que ela promove o contato entre as pessoas, auxiliando na construção dos grupos sociais e consequentemente, da estrutura social.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s