Descubra aqui os benefícios do inhame para a saúde


Já ouvimos falar no decorrer da história da sociedade de vários alimentos que eram cultivados há milhares de anos por nossos ancestrais e que, posteriormente, foram descobertos os seus benefícios para a saúde. Dentre eles está o inhame, um tubérculo muito nutritivo e popularmente consumido no Brasil, principalmente na região Nordeste, que você vai conhecer no artigo de hoje.

 

Há registros de que o alimento seja consumido desde 50 mil anos antes de Cristo, sendo amplamente cultivado na Ásia e na África. O tubérculo nada mais é do que um tipo de caule que serve como reservatório de água e nutrientes para o restante da planta. Partindo daí, você já consegue imaginar os benefícios que ele pode trazer para a nossa saúde, não é?

O nome inhame é dado às mais de 600 espécies diferentes do gênero Dioscorea, família Dioscoriaceae, comumente conhecidas no Norte e Nordeste brasileiro, onde apenas 14 são destinadas ao consumo humano.

Atualmente, o inhame é cultivado em regiões tropicais e subtropicais da América do Norte e, no Brasil, nas regiões Norte e Nordeste. Apesar de ser conhecido também por outros nomes, o alimento traz inúmeros efeitos benéficos para a saúde. Quer saber quais são? Continue lendo esse artigo até o final e saiba tudo sobre o inhame.

Benefícios

Benefícios-do-Inhame

1 – Ajuda a emagrecer

O inhame se apresenta como uma ótima alternativa para quem está em busca de perder peso de forma saudável. Isso porque o alimento contém pouquíssima gordura e carboidratos complexos, que controla o envio de glicose para a corrente sanguínea, o que inibe o apetite e fornece mais energia ao corpo.

Além disso, o tubérculo é rico em fibras, nutrientes essenciais para prolongar a sensação de saciedade no estômago e evitar a fome fora de hora. Há indícios, segundo estudos elaborados fora do país, de que o inhame esteja associado ao hormônio DHEA, responsável por inibir a enzima causadora do acúmulo de gordura e pelo crescimento de células cancerígenas.

2 – Previne o câncer

Devido à alta concentração de substâncias antioxidantes no inhame, como a vitamina C e o betacaroteno, há comprovação de que o alimento consegue prevenir o organismo contra os mais variados tipos de câncer. Isso porque os antioxidantes são agentes eficientes no combate aos radicais livres, que são os responsáveis por causar mutações no DNA que levem à proliferação irregular de células.

3 – Faz bem para a saúde da mulher

Por ter os seus compostos transformados no hormônio DHEA, responsável por realizar a síntese de outros hormônios no organismo, como o estrogênio, progesterona, cortisol, testosterona e aldosterona, há estudos que indicam que o inhame possa ser eficaz para tratar algumas enfermidades em nós mulheres, como os sintomas da menopausa e da Tensão Pré-Menstrual (TPM), doença fibrocística da mama, endometriose e fibrose uterina.

Além disso, o seu consumo regular também pode ajudar a aumentar a fertilidade feminina, uma boa notícia para aquelas mulheres que desejam engravidar rapidamente ou que estão tentando há algum tempo e ainda não conseguiram.

4 – Previne e trata a anemia

Rico em ferro, o inhame também pode ser um alimento ideal para prevenir ou tratar a anemia. Isso porque ele ajuda no acesso ao reservatório de ferro no organismo e na absorção do mineral pelo sangue.

Além disso, o tubérculo contém em sua composição vitamina C vitamina B6 – essencial para a produção de hemoglobina – e ácido fólico, que é responsável pelo processo de maturação das células sanguíneas.

5 – Combate a doença de Alzheimer

O Mal de Alzheimer é causado pelo acúmulo do aminoácido homocisteína no organismo, que, por sua vez, é responsável por provocar a inflamação no cérebro de pacientes com a doença. Além disso, a enfermidade também está relacionada à redução dos níveis do hormônio DHEA, que costuma ser diminuído no decorrer dos anos.

Como o inhame é rico em vitaminas B6 e B9 e é capaz de transformar a diosgenina presente em sua composição em DHEA, pode-se dizer que o alimento é um excelente aliado na prevenção do Mal de Alzheimer.

6 – Reduz o colesterol

Graças às fibras presentes em sua composição, o inhame ajuda a reduzir os níveis do colesterol ruim (LDL) e, com isso, evitar o desenvolvimento de doenças cardiovasculares.

Além disso, por conter vitaminas B6 e B9, o alimento ajuda a conter a quantidade do aminoácido homocisteína no organismo, que são prejudiciais à saúde e aceleram o processo de oxidação do LDL no sangue.

Ainda, o inhame é rico em potássio, um mineral essencial no combate às ações hipertensivas do sódio no corpo humano.

7 – Melhora a saúde dos olhos

Rico em vitamina C, o inhame também pode ajudar na proteção dos olhos. O seu consumo regular evita a degeneração macular, doença desenvolvida principalmente em pessoas com mais de 50 anos.

Trata-se de uma enfermidade na qual a chamada visão fina se deteriora, resultando na perda da visão central, ou seja, na cegueira propriamente dita que acomete pessoas idosas.

8 – Controla a glicose no sangue

O inhame reduz os níveis de açúcar no sangue, atuando para que os carboidratos complexos presentes em sua composição sejam absorvidos pela corrente sanguínea de forma gradativa e não eleve a taxa de glicose no sangue. Por isso, o alimento se torna um aliado para prevenir o diabetes.

9 – Fortalece o sistema imunológico

Por ajudar a fortalecer os chamados gânglios linfáticos, que são os responsáveis pela defesa do nosso sistema imunológico, o inhame é um alimento eficaz para melhorar a imunidade do corpo contra os mais variados tipos de doenças.

10 – Combate a retenção líquida

Devido às suas propriedades anti-inflamatórias, o inhame também é um grande auxiliar na eliminação de líquidos e toxinas do organismo. Ao consumi-lo regularmente na sua rotina alimentar, é possível acabar com aquele inchaço incômodo na barriga, bem como com as gordurinhas localizadas e celulites.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s