Acabar com olheiras: Aprenda o jeito certo de tirar olheiras de acordo com o tipo


A olheira é uma pigmentação na pálpebra inferior que transmite um aspecto de cansaço na pessoa. Então, como acabar com olheiras? Apesar de as mulheres serem as mais atingidas pelo problema, muito homens também têm olheiras. Agora, você vai aprender como tirar olheiras de forma prática.

Engana-se quem pensa que olheira é tudo igual. Existem dois principais tipos de olheiras e, estes, podem ser subdivididos em diversos outros tipos. Assim, é obvio que para cada tipo, existem tratamentos diferenciados. O que muita gente desconhece, é que, em casa mesmo dá para tirar olheiras sem muito esforço.

TIPOS DE OLHEIRAS

Olheiras vasculares: essas, são aquelas arroxeadas. De acordo com um artigo publicado no Journal of Cutaneous and Aesthetic Surgery (1), elas recebem, este nome porque são causadas pelo acúmulo de vasinhos na região abaixo dos olhos. Certamente, essa região tem a pele delicada e fina. É também uma área do rosto propícia a má circulação. As olheiras vasculares são aquelas que surgem quando temos uma noite mal dormida ou estamos muito cansados. Contudo, há uma piora em fumantes e em pessoas que comem muito sal e alimentos ricos em sódio. Ao mesmo tempo, quem sofre de rinite alérgica pode ter as orelheiras vasculares mais agravadas.

Olheiras pigmentares: são aquelas de coloração amarronzada, sobretudo causadas pelo acúmulo de melanina na região, conforme o estudo (1). Como sabemos, a melanina é o pigmento responsável por dar cor à pele. Este tipo de olheira está relacionado ao tom de pele, geralmente, ocorre em pessoas morenas. Do mesmo modo, pessoas de origem árabe, turca e hindu, são muito mais propensos a terem olheiras deste tipo.

COMO TIRAR OLHEIRAS VASCULARES

A boa notícia é que é fácil acabar com olheiras deste tipo.  Isso porque, ela existe por uma deficiência de circulação sanguínea no local. Assim, o que temos de fazer aqui, é atentar para um método que melhore circulação sanguínea do local. De fato você pode tirar olheiras vasculares em casa.

Água fria ou gelo: diminuir a temperatura em volta dos olhos diminuirá o aporte sanguíneo para a região ao redor dos olhos. Isso, decerto, fará uma melhora no aspecto dos vasinhos sob a pele. É uma boa receita para colocar em prática antes de uma festa, por exemplo. Como fazer: coloque um algodão embebido em águia gelada nos olhos. Fique deitada (o), assim que o algodão esquentar, repita o processo. Em cinco ciclos as olheiras já desaparecerão.

Saquinho de chá de camomila gelado: a camomila tem efeito anti-inflamatório e calmante. Ao mesmo tempo, se usado gelado, funcionará como vaso constritor, assim como o algodão gelado, ensinado acima. Como fazer: basta molhar um saquinho de chá de camomila em água quente para desprender o chá. Depois, leve a geladeira para que fique bem geladinho. Aplique um saquinho em cada olho. Quando esfriar, volte o chá para a geladeira e repita por 5 vezes. Adeus olheira vascular.

COMO TIRAR OLHEIRAS PIGMENTARES

Este tipo de olheira tem origem, principalmente, genética (1). A princípio acabar com olheiras pigmentares será mais complicado,  e não aconselhamos que tente resolver o problema em casa. Um estudo de levantamento de literatura publicado na Revista da  Faculdade de Ciências Médicas de Sorocaba (2)  , sugere que cura definitiva deste tipo de hiperpigmentação é quase totalmente voltada para o uso de peeling químico ou laser na região. Fazendo esses procedimentos em casa, pode ocasionar leões e coceira na região.

Peeling químico: o estudo sugere o uso de pelo menos cinco diferentes tipos de ácidos para tal. Um dos mais usados é o ácido kójico que inibe a ação da tirosinase, uma enzima que produz a melanina. Contudo, este tipo de tratamento é exclusivamente feio por esteticistas e dermatologistas.

Laser: de acordo com os autores (2) , o laser provoca uma remodelação dérmica que resulta na substituição de colágeno e elastina. Isso, faz surgir colágeno e elastina novos, mais compactos e organizados o que melhora o aspecto das rugas. Ao mesmo tempo, melhora também as olheiras, devido ao aumento da espessura dérmica que ocorre com a reorganização do colágeno. É um procedimento que, também, só pode ser feito por especialistas.

ARTIGOS CIENTÍFICOS: (1) (2)

Atenção: O material neste site é fornecido apenas para fins educacionais, e não deve ser usado para conselhos médicos, diagnósticos ou tratamentos. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s