Como aprender a começar a ler seu mapa astral


O BuzzFeed Brasil conversou com a astróloga Cláudia Lisboa, que ensinou como se iniciar na leitura do seu mapa.

publicado 

Pelo menos uma vez na vida você pensou em fazer um mapa astral ou até já se deparou com um e não entendeu nada. Por isso o BuzzFeed Brasil resolveu conversar com a astróloga Claudia Lisboa para entender melhor como funciona.

instagram.com

Em entrevista ao BuzzFeed Brasil, a astróloga Claudia Lisboa explica: “O mapa astral é um DNA astral, uma espécie de conjunto de forças e tendências e o com o uso dessas forças você escreve a histórias da sua vida”.

Claudia explica que não é nada definitivo e que o mapa é uma espécie de rascunho que serve para nos ajudar a tomar decisões e novos rumos.

instagram.com

A astróloga explica que “a leitura do mapa é uma espécie de GPS que mostra os caminhos que podemos tomar”.

Claudia acredita, enquanto profissional que trabalha com a leitura, que “isso é um trabalho de autoconhecimento, uma ferramenta onde você tem condições melhores de trabalhar a construção do seu ‘eu’ para ser uma pessoa melhor”.

Sabendo disso, então vamos lá:

1º PASSO: Para traçar seu mapa astral é preciso saber a data, horário e cidade de nascimento.

instagram.com

Claudia conta que o horário e localização devem ser o mais precisos possíveis. Com as informações é possível definir a latitude e longitude do mapa.

2º PASSO: Para traçar seu mapa você pode contar com a ajuda da internet. Sites como PersonareAstrolink e Viastraloferecem o serviço gratuitamente.

instagram.com

Diversos profissionais se dedicam aos estudos dos astros, por isso se você deseja algo mais aprofundado vale consultar um astrólogo bacana.

PUBLICIDADE

3º PASSO: Encontre as posições do Sol, Lua, Ascendente e Meio do Céu.

instagram.com

Claudia explica que as posições do Sol, Lua, Ascendente e Meio do Céu são os chamados “alicerces” e podem auxiliar nas primeiras interpretações.

A posição do Sol (signo solar) tem a ver como mês de nascimento, a posição da Lua (signo lunar) com o dia do nascimento e o Ascendente com a hora do nascimento.

A POSIÇÃO DO SOL: É aquilo que a gente chama de signo, e sabemos pelo nosso mês de nascimento.

instagram.com

Claudia explica que é o que o signo solar “indica sua capacidade mental: o uso da razão, visão objetiva da vida”.

Ou seja, buscando as características do seu signo solar você pode encontrar caminhos para questões práticas da vida. As decisões podem ser influenciadas pelas características relacionadas ao seu signo. Se ele te faz mais ou menos impulsivo ou introspectivo, por exemplo, suas decisões podem ser diferentes.

A POSIÇÃO DA LUA: É o signo lunar que você descobre a partir do dia de nascimento.

instagram.com

A astróloga explica que o signo lunar “É o que indica os pontos de afetividade, sensibilidades, onde vemos como afetamos e somos afetados.”

Cláudia diz que se com o signo solar você ganha ajuda para tomada de decisões práticas, com o signo lunar você ganha mais um fator para acrescentar na tomada destas decisões. A partir das características do seu signo lunar, você vai ter facilidade em saber como lidar com as outras pessoas. “É o campo da relações”, diz.

ASCENDENTE: É o signo que mostra como nos expressamos.

instagram.com

Claudia tem uma forma própria de explicar a importância do ascendente: “É o que eu chamo de estilo, suas atitudes com os próximos, o seu jeito muito próprio, como a pessoa se coloca para o mundo.”

Ou seja, é o que combinado com o seu signo solar, define sua “personalidade”, que o te torna único e característico.

PUBLICIDADE

MEIO DO CÉU, também conhecido como décima casa: fala sobre talentos.

instagram.com

“É o status que você constrói na sua vida. Sua profissão, estudos. A forma como você se coloca no mundo,” explica Cláudia.

Neste vídeo Claudia explica com mais detalhes a questão do signo solar, lunar e ascendente.

youtube.com

E também explica que combinando essas três posições é possível falar mais sobre nossas características individuais.

Tudo certo até aqui e quer se aprofundar um pouquinho mais? Então vamos lá:

4º PASSO: Entenda o que são as casas, signos e planetas.

“Um mapa é constituído por 12 signos fixos, divididos matematicamente em 12 partes iguais”, explica Claudia se referindo as questões imutáveis do mapa. “Além disso contamos com 12 casas astrológicas e os 10 astros que compõem o sistema solar”.

Apesar de serem sempre o mesmo número de casas e astros, eles se modificam conforme sua hora, data e local de nascimento. “As posições dos astros em relação aos signos é que variam, que fazem com que cada mapa seja diferente um do outro”, diz.

PUBLICIDADE

5º PASSO: Entenda o que representa cada Casa.

instagram.com

A astróloga explica que “casas são linhas imaginarias e funcionam como coordenadas que cortam o zodíaco de cada pessoa”.

Com o seu horário de nascimento, você encontra seu signo ascendente e coloca na Casa 1, e a partir daí vai colocando os signos nas Casas seguintes, descobrindo assim, quais característica o signo traz à essa Casa.

Além disso cada Casa “aponta uma área especifica da vida de cada pessoa”, diz Claudia para seguinte explicar quais são as áreas que são abordadas em cada casa:

1ª Casa: “Referente a construção do eu, da uma identidade. Toda história da vida dessa pessoa e tudo que ela vai criar pra si própria. É o que chamo de estilo”. É sempre a casa do ascendente (e é a partir dela que você vai descobrir seus outros signos referente a cada casa).

2ª Casa: “Trata dos recursos materiais, da maneira como você se organiza financeiramente, a potência que você tem de transformar algo em dinheiro, é o trabalho material”.

3ª Casa: “A relação das pessoas com o meio que ela vive, como lida com trocas, aprendizado, educação, flexibilidade, ideias diferentes da dela. É a casa ligada a comunicação e também das viagens mais próximas.”

4ª Casa: “É a casa de base, bagagem histórica, relação familiar, ancestralidade e origens”.

5ª Casa: “Trata da criatividade, criação de filhos, autoestima, paixões em todos os níveis.”

6ª Casa: “Se refere à trabalho e saúde, o que hoje entendemos como qualidade de vida.”

7ª Casa: “Parceria e encontros no sentido conjugal. Fala de relação a dois, seja ela afetiva ou erótica.”

8ª Casa: “Trata de todas experiências de transformação, perdas, ruptura, mudanças profundas. E também de sistemas de finanças com recursos além dos nossos como patrocínio, mercado financeiro e heranças.”

9ª Casa: “Grandes viagens que atravessam fronteiras, cursos e filosofias de vida.”

10ª Casa: “Carreira, status quo no sentido do lugar que essa pessoa ocupa no mundo, sentido de realização, vocação, reconhecimento profissional”. Também conhecido como Meio do Céu.

11ª Casa: “Casa das ações sociais, do ser político sentido mais amplo, da relação com os amigos, dimensão social.”

12ª Casa: “Trata a espiritualidade e o bem estar interior.”

Resumindo: Cada casa fala sobre um ponto da sua vida, e cada casa ganha um signo que vai te dar as característica de como você lida com esse ponto.

6º PASSO: Entenda qual a influência de cada Astro.

instagram.com

Além do Sol e da Lua, já explicados acima, a astrologia trabalha com mais oito astros que falam sobre questões específicas. Claudia explica cada um:

Mercúrio: “É referente a área da comunicação, do diálogo.”

Vênus: “Amor, beleza e arte”.

Marte: “Autoafirmação, competição, busca de resultados, afetividade, e a forma como você lida com conflitos.”

Júpiter: “Dimensão social de justiça, leis, normas, expansão, progresso, crescimento e confiança.”

Saturno: “Responsabilidade social, comprimento de dever, resistência e frustração.”

Urano: “Grandes evoluções, rupturas, modificações da vida, novos caminhos, mudanças de paradigma.”

Netuno: “Compreensão de totalidade, comunhão com o todo.”

Plutão: “É um grande alquímico, onde se aprende que tudo acaba, passa, continua. Morte e renascimento.”

Com as características dos signos, das suas casas e as características dos astros é possível realizar uma série de interpretações.

Alguns livros como o próprio “Os Astros Sempre Nos Acompanham – Um Manual de Astrologia Contemporânea” ajudam nessas interpretações para quem conhece menos do tema.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s