OS PODERES CÓSMICOS NO CORPO HUMANO


1.2.1.
 Aquelas divindades (devat
ā
), Agni e o resto, depois de terem sido emitidas,caíram nesse grande oceano.
16
 Então ele (o Ser) afligiu a ele, (a pessoa), comfome e sede. As divindades então (atormentadas pela fome e sede) falaram aele (o Ser): “Dá-nos um lugar no qual possamos descansar e ingerir alimentos”.
17
 
1.2.1.
 Ele levou uma vaca para eles (os deuses). Eles disseram: “Isso não ésuficiente”.
18
 Ele levou um cavalo para eles. Eles disseram: “Isso não ésuficiente”.
1.2.3.
 Ele levou o homem
19
 para eles. Então eles disseram: “Bem feito,
20
 de fato”.Portanto, o homem é bem feito. E ele lhes disse: “Entrem, cada um segundo oseu lugar”.
1.2.4.
 Então Agni (o fogo), tendo se tornado a fala, entrou na boca. V
ā
yu (o ar),tendo se tornado o olfato, entrou nas narinas.
 Ā
ditya (o sol), tendo se tornado avisão, entrou nos olhos. Di
ś
 [ou Di
ś
as] (as regiões, [pontos cardeais]), tendo setornado a audição, entrou nos ouvidos. Os arbustos e as árvores, tendo setornado pelos, entraram na pele. Candramas (a lua), tendo se tornado a mente,entrou no coração. A morte, tendo se tornado o ar descendente, entrou noumbigo. As águas, tendo se tornado a semente, entraram no órgão gerador.
1.2.5.
 Então Fome e Sede falaram a ele (o Ser): “Concede a nós dois (um lugar)”.Ele lhes disse: “Eu lhes atribuo aquelas mesmas divindades lá, eu faço de vocêsassociados a elas”.
21
 Por isso, a qualquer divindade que uma oblação sejaoferecida, fome e sede estão associados à mesma. _________________
15
 
O Apāna, o ar descendente, é geralmente um dos cinco ares vitais que se supõe que mantêm o corpovivo. Aqui, no entanto, Apāna é deglutição e digestão.
 
16
 Eles caíram de volta naquele ser universal de onde eles tinham surgido, a primeira pessoa criada, Vir
āj.
Ou eles caíram no mundo, cuja última causa é a ignorância. [O
sa 
ṃsāra 
 é geralmente comparado a umoceano].
17
 
É explicado que ‘ingerir alimentos’ significa perceber os objetos que correspondem aos sentidos, presididos
pelas várias divindades.
18
 
[‘
Esta c
ertamente não é adequada para nós’. –
 Swami Gambhirananda]. 
19
 Aqui Puru
a é diferente do primeiro Puru
a, a pessoa universal, ele só pode significar o homem inteligente.
20
 
Suk 
ṛ 
ta 
, bem feito, virtude; ou, se tomado por
svak 
ṛ 
ta 
, feito por si próprio.
21
 
[“Assim abordado, o Senhor disse à Fome e Sede: ‘Como vocês são apenas sensações, não é possível
vocês se tornarem comedores de alimentos sem serem dependentes de algum ser inteligente. Portanto euos abençoo por lhes dar uma parte com esses deuses, Fogo, etc., no corpo e no mundo eterno compostode cinco elementos, em suas respectivas funções. Eu farei de vocês compartilhadores das partes designadas
para esses respectivos deuses, tais como oblações de manteiga etc.’”. –
 
Śaṅ
kara, Comentário, traduzido porS. Sitarama Sastri].
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s