Supremo rejeita volta da obrigação de trabalhador pagar contribuição sindical


Maioria do Supremo rejeitou ação que questionava fim da contribuição sindical obrigatória.


RESUMO

  • Relator da ação, ministro Edson Fachin, e ministros Rosa Weber e Dias Toffoli votaram a favor da contribuição sindical obrigatória
  • Fux, Moraes, Barroso, Gilmar, Marco Aurélio e Cármen Lúcia votaram contra a contribuição
  • Placar final: a favor da contribuição obrigatória: 3 votos; contra a contribuição obrigatória: 6 votos
  • Ministros Celso de Mello e Lewandowski estavam ausentes
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s