Entrevista sobre a carreira de Psicologia.


Entrevista sobre a carreira de Psicologia.

Entrevista para o site Mente de Sucesso.

Como ter sucesso na carreira de Psicologia.

A segunda publicação da nossa série que destaca os caminhos do sucesso para cada profissão tem como foco a psicologia! E para falar um pouco mais sobre essa profissão nós convidamos para um bate papo a psicóloga clínica de jovens e adultos Marcela Pimenta Pavan, CRP 05/41841. Especialista em Família e Casal pela PUC-Rio.Psicóloga da Associação Mão Amiga – Bem Viver com o Autismo. Analista Junguiana em formação pelo IJEP – Instituto Junguiano de Ensino e Pesquisa – São Paulo. Graduada em Comunicação Social pela UFES – Universidade Federal do Espírito Santo. Escritora do blog acaminhodamudanca.wordpress.com/

Abaixo, a bela entrevista que Marcela concedeu ao Mente de Sucesso:

1 – Quais as maiores oportunidades no cenário atual para o psicólogo?
As oportunidades que mais surgem são na área de Recursos Humanos das empresas, pois há uma demanda existente e constante do mercado para os profissionais de psicologia. É uma área mais estruturada, mas há espaço para muitas outras possibilidades de inserção no mercado, o psicólogo pode trabalhar na clínica, em escola, em instituições ligadas aos esporte, a hospitais, trânsito, etc. Pode se especializar em testes, na área acadêmica..
As oportunidades são inúmeras pois existe a necessidade crescente da sociedade em entender e lidar melhor com as questões emocionais. As pessoas estão percebendo que não adiantam só cuidar do intelectual e da saúde física, é preciso olhar para o mundo interior pois ele pode impedir o nosso crescimento em áreas importantes da vida. A ansiedade e a cobrança em excesso leva ao boicote pessoal, ao adoecimento, a problemas nos relacionamentos, etc. A área mais capaz de ajudar as pessoas nesse sentido é a Psicologia. Então, analisando o mercado, se há demanda e ela é crescente o que falta é o profissional capaz de atender essa demanda.
O Psicólogo precisa entender melhor o seu mercado, rever a sua postura, investir tempo e energia empreendendo na sua carreira. Isso não é ensinado na faculdade, e por outro lado o recém formado não é imediatamente solicitado pelo mercado. Muitos psicólogos ao se formarem ficam perdidos, procurando um emprego ideal o que muitas vezes não acontece.
Com toda a ética e responsabilidade necessárias, a minha opinião é que é preciso ver a Psicologia também como um negócio, já recebi materiais sobre marketing para Psicólogos e considero importantíssimo informações para orientar os profissionais a aproveitarem as oportunidades e se colocarem devidamente num mercado crescente. Vejo que pessoas de fora da Psicologia acabam aproveitando melhor as oportunidades do que os próprios psicólogos, por terem uma visão mais empreendedora das oportunidades.

2- Na sua opinião, quais são as características e os principais desafios para ter sucesso nesta área?
É preciso antes de mais nada ter vocação para Psicologia. É preciso gostar do mundo psíquico, se dedicar ao estudo e querer lidar com as pessoas de uma forma cuidadosa e particular. Quando temos vocação, temos vontade e energia para nos dedicarmos e abrirmos o nosso caminho profissional. Os desafios são muitos, ainda existem pessoas que não entendem o papel do Psicólogo e sua importância, cabe a nós profissionais aproximar a Psicologia das pessoas em geral, tornando-a acessível, desmistificando-a e mostrando seus benefícios.

3 – Quais as possibilidades de empreendimento que um psicólogo pode investir para ter seu próprio negócio?
Isso varia muito e depende da capacidade de investimento do profissional. O Psicólogo pode abrir uma clínica, vejo cada vez mais o surgimento de clínicas com equipes multidisciplinares para tratarem temas específicos como a dependência química, compulsões em geral. Existem centros de estudos com cursos, formação e supervisão para Psicólogos. É importante perceber as demandas que existem. Um ponto importante é que um Psicólogo para fazer um investimento alto precisa, entre outras coisas, ter credibilidade, ser referência em alguma área ou investir em uma equipe que seja referência e capacitá-los constantemente. As pessoas buscam profissionais na área de saúde que passem confiança e credibilidade. Muitos psicólogos atuam como empregados ou constroem uma carreira mais solitária e investem no seu próprio negócio, se especializando através de formação, cursos, criando sua rede de contatos, dando palestras e revertendo isso para o consultório.

4 – Fique a vontade para acrescentar qualquer recomendação que acredite ser relevante para uma carreira bem sucedida na sua profissão. 
A Psicologia é um universo rico e complexo, é fundamental gostar muito do que se faz para ter o empenho e a responsabilidade necessárias. Como todas as profissões é uma carreira que se moderniza dinamicamente e é preciso acompanhar as mudanças, antigamente não se imaginava atender pelo computador e isso já é uma prática existente e regulamentada pelo conselho federal de psicologia. O que acho importante para a construção de uma boa carreira é: estar atento as mudanças, rever posturas, se aproximar mais das pessoas, ser curioso e disposto a aprender sempre, estudar muito, ter paciência, construir uma boa rede de contatos, criar e aproveitar as oportunidades, investir em conhecimentos na área de psicologia e marketing, cuidar de si mesmo, sempre.

Aproveitamos a oportunidade para agradecer a participação da psicóloga Marcela!

para ler a entrevista no site Mente de Sucesso clique aqui

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s