Como montar uma startup


Saiba o que fazer para entrar com o pé direito nesse mercado

Não há como negar que as startups são a bola da vez no mundo dos negócios. Esses empreendimentos de base inovadora, com gestão focada no crescimento rápido, ganham cada vez mais adeptos e despertam o interesse do mercado.

Mas quem pensa em investir nesse nicho deve ficar atento.  Uma em cada quatro startupsbrasileiras fecharam as portas antes de completar um ano, como revela pesquisa da Fundação Dom Cabral realizada este ano.

Para quem não quer correr o risco de ficar no meio do caminho, o Sebrae criou a cartilha 10 dicas para tirar sua ideia do papel e montar uma startup de sucessoA publicação dá o passo a passo, desde a idealização, passando pela operação, até a alavancagem do negócio.

Conheça as etapas e algumas dicas para abrir sua startup:

  • Curiosidade: busque informação para dar o primeiro passo.
  • Ideia: converse com o máximo de pessoas possível. Troque impressões, participe de eventos. Fique atento às oportunidades do mercado.
  • Validação: antes de dar os próximos passos na construção e implementação da ideia, valide-a com seus clientes.
  • Time: busque formar um time com habilidades complementares. Uma boa startupdeve ter, pelo menos, quatro competências bem definidas: gestão, tecnologia, operações e vendas.
  • Sócios: tenha um acordo de sócios. Faça um contrato social no caso das sociedades limitadas ou contrato separado. O documento estabelece o que acontece em caso de desentendimentos ou eventual saída de um dos sócios.
  • Modelos: realize exaustivamente testes para validar suas hipóteses até que tenha um modelo de negócio que funcione.
  • Métricas: compreenda quais as mais importantes para seu negócio, meça e utilize-as como bússola. Cuidado com as “métricas de vaidade”, como “número de visitas no site” ou “número de downloads”, que na prática não significam muita coisa para o negócio.
  • Execução: construa uma estratégia de “Go to market” (Ida ao mercado) que estabeleça os melhores canais, regiões e o passo a passo das ações.
  • Planejamento: ao buscar recursos, é importante entender quais são as suas necessidades de capital e objetivos. Estabeleça quanto e para que precisa. Lembre-se de considerar em suas projeções o cálculo correto de impostos, salários dos sócios e despesas fixas e variáveis.
  • Cultura: mantenha sua cultura, buscando valorizar os colaboradores e mantendo muitos dos pontos positivos da cultura startup que podem se perder pelo caminho do crescimento.
  • Crescimento: se seu modelo cresceu e funcionou e sua empresa já é um sucesso, pode ser ainda mais. Lembre-se que o objetivo de uma startup é deixar de ser uma startup.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s