Dorme pouco? Saiba o que fazer para aguentar o dia de trabalho


Diz quem sabe que um adulto deve dormir entre sete a nove horas por noite. Mas há noites em dormir o que devíamos é apenas um sonho. Saiba o que fazer quando dormiu menos do que precisava.

Peter Macdiarmid/Getty Images

O sono é uma necessidade fisiológica e dormir o número adequado de horas é determinante na saúde. Mas já todos atravessamos períodos em que dormimos menos do que devíamos e muitos sabemos bem como é difícil manter o nível de concentração necessário para ter um dia de trabalho produtivo. Além de que dormir pouco também influencia a nossa boa disposição. Mas como nem sempre conseguimos escapar a uma noite mal dormida de vez em quando, a revista Time compilou uma lista de seis coisas que podem ajudar a enfrentar o dia de trabalho.

Reduza o tempo que passa a ver televisão

Se dorme poucas horas por noite, evite adormecer em frente à televisão. Pode parecer contra intuitivo, mas o cérebro está menos ativo quando vê televisão do que quando dorme. Ver televisão é uma atividade passiva que “sobrecarrega” o cérebro, enquanto uma boa noite de sono “limpa o cérebro” e também o ajuda a gerirmelhor as emoções.

Coma menos hidratos de carbono

Para além das teorias que dizem que limitar o consumo de hidratos de carbono ajuda a manter a linha, se quer dormir melhor nas poucos horas que tem para o fazer, evite comer demasiado arroz, massa, pão ou batatas ao jantar. Se por um lado, os hidratos de carbono fazem subir o nível de serotonina, o que ajuda a relaxar, também pode afetar o equilíbrio do sono. Quando mais serotonina produzir, menor será a produção de melatonina – e o desequilíbrio na produção destes dois neurotransmissores afeta o ciclo do sono.

Evite reuniões

Se dormiu pouco é provável que esteja mais irritadiço que o costume, uma razão de peso para limitar as interações com outras pessoas. Especialmente se a agenda da reunião incluir temas delicados ou sobre os quais seja difícil tomar decisões. A nossa capacidade de tomada de decisões é afetada pela privação de sono, porque “quando estamos privados do sono a nossa capacidade de processar nova informação cai, a nossa capacidade de lidar com distrações está comprometida e a nossa memória de curto prazo diminui”, refere Michael Chee, diretor do centro de neurociência cognitiva na Faculdade de Medicinca Duke-NUS em Singapura.

Conheça o período em que precisa mesmo de dormir

Quando tem poucas horas para dormir é mais importante que as use para dormir no período do dia em que é realmente necessário que esteja a descansar. Para algumas pessoas é mais importante estar a dormir entre as 4h e as 8h do que entre a meia-noite e as 4h, por exemplo. Esta variação acontece porque o ritmo circadiano, ou seja, o ritmo biológico em que o organismo funciona melhor e que é influenciado pela luz do sol não é igual para todas as pessoas. Há quem seja mais produtivo a trabalhar à noite do que de manhã cedo, por exemplo. E há especialistas do sono que garantem que há mesmo alturas do dia melhores do que outras para fazer determinadas coisas, de acordo com a idade.

Atenção às quedas de energia

Quando se está a trabalhar há muitas horas consecutivas e se dormiu pouco é normal sentir falta de energia a meio do dia do trabalho. Nesse momento, o melhor a fazer é reagir. Levantar-se e dar uma volta pelo escritório pode ajudar, assim como tomar um café. Se tem tantas tarefas pela frente que parar por uns minutos não é uma opção, pense em dar prioridade às tarefas que considera mais estimulantes.

Pense nas razões pelas quais gosta do seu trabalho

Todas as profissões têm os seus “ossos do ofício”, aspetos menos bons e tarefas mais aborrecidas. Nos dias em que dormiu menos do que devia porque precisa de trabalhar mais do que o normal, evite focar-se nos aspetos menos positivos da sua profissão. Pelo contrário, deve pensar nas coisas que lhe dão realmente prazer no trabalho e nas tarefas que lhe trazem boa disposição. Afinal, rir é mesmo o melhor remédio, especialmente no trabalho.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s