A memória Optane, da Intel, torna HDDs baratos tão rápidos quanto os SSDs caros


Não é apenas um processador ruim que torna um computador muito barato lento. Ou a memória ou a placa de vídeo (ou a falta de uma). A principal razão pela qual o seu notebook barato funciona ruidosamente, em velocidades glaciais, é por causa do disco rígido. Notebooks baratos usam drives de disco rígido baratos, que são muito mais lentos do que os discos de estado sólido (SSD) encontrados em computadores melhores. Mas a nova memória Optane, da Intel, muda isso. Esse pequeno chip de US$ 70 faz um drive de disco rígido barato rodar tão rápido quanto um SSD.

• Intel alega que sua nova memória Optane vai acelerar seu computador por um baixo custo
• A 7ª geração de processadores da Intel chega ao Brasil com foco nos games

Ele faz isso tudo usando um tipo de memória novinho em folha. Isso parece muito chato, mas a memória pode ser um dos componentes mais importantes no seu computador.

O que diabos é a memória?

Memória é qualquer coisa em um computador que lê e escreve dados. Existe memória em seu processador, na sua RAM e até em seus drives USB. “É como uma pirâmide”, Greg Schulz, analista e operador de armazenamento da StorageIO, conta ao Gizmodo. “Conforme você desce a pirâmide, a capacidade é mais barata, porém mais lenta.” Então o topo da pirâmide é a memória em sua CPU, então vem a DRAM, então a memória NAND flash, como os SSDs, e então os discos rígidos. Na base da pirâmide, estariam o tipo mais velho e barato de unidade de fita de armazenamento.

Depois que você entende a pirâmide, tem apenas mais uma coisa que você realmente precisa entender: memórias voláteis e não-voláteis. A memória volátil tende a ser mais rápida — ou é DRAM ou é aquela embutida em sua CPU. Ela é loucamente rápida e escreve até no menor nível possível de leitura/escrita: o nível byte. Ainda assim, a memória volátil não consegue lembrar de qualquer coisa quando perde energia. Então, no momento em que você reinicia seu computador, ela se esquece de tudo que aprendeu.

fjum7cw2fxgq1t1exsdg

Na primeira vez em que você abre um programa pesado em um computador após reiniciá-lo, ele leva mais tempo do que o normal. Por quê? Porque a DRAM do seu computador esqueceu de toda a informação crucial de que precisa para abrir o programa rapidamente.

A memória não-volátil não tem esse problema, mas também é muito mais lenta e não consegue escrever a nível de byte. Então o que é a memória não-volátil? É o que mantém todos os dados que que aprende mesmo quando não está recebendo energia. É uma memória persistente. Logo que algo é classificado como memória persistente, pode levar um outro nome: armazenamento. Todos disco rígido, disquete ou pendrive que você utiliza é memória persistente.

A memória Optane, da Intel, é legal porque utiliza uma entrada inteiramente nova na pirâmide da memória: a memória 3D Xpoint memory. A 3D Xpoint se encaixa exatamente entre a DRAM e a NAND. É tão rápida quanto a volátil — capaz de lar dados a nível de byte —, mas também é persistente. É o melhor dos dois mundos.

O que é memória 3D Xpoint?

“Desde que a memória digital foi criada, houve apenas oito tipos mais importantes de memória, a mais recente sendo a 3D Xpoint”, disse Schulz. O último grande avanço antes dela? Foi a NAND, introduzida em 1999. “Essas coisas só aparecem a cada duas décadas.”

A 3D Xpoint foi anunciada pela Intel e pela Micron lá em 2015, 16 anos após o último grande salto na memória. Na época, as duas empresas prometeram que a 3D Xpoint era mil vezes mais rápida que a NAND, mas tão persistente quanto. O que significaria um meio ultrarrápido completamente novo para armazenar dados. Ainda assim, levou aproximadamente dois anos para irmos do anúncio da memória para, de fato, sua colocação no hardware que eu e você podemos comprar.

O que é a memória Intel Optane?

A memória Optane, da Intel, é o primeiro exemplo da 3D Xpoint sendo usada em produtos para o consumidor. Já existe um drive de armazenamento 3D Xpoint disponível, aproveitando-se da velocidade incrível da tecnologia, mas esse drive é de 375GB e sai por US$ 1.500.

A memória Optane é a tentativa da Intel de oferecer aos consumidores um gosto acessível da velocidade incrível da 3D Xpoint. Ela funciona como um sistema de cache para o seu drive de armazenamento principal, guardando dados necessários, assim como a RAM pode fazer, mantendo esses dados entre os reinícios.

nkl5kxxjte4gfde9fkv8

O stick de memória entra no encaixe M2 em placas-mãe prontas para a Optane

Se esse conceito soa familiar, é porque os fabricantes têm usado memória não-volátil mais rápida como um sistema de cache para as coisas mais lentas já há algum tempo. Notavelmente, a Apple tem seu drive Fusion opcional para iMacs. Ele combina um SSD e um HDD, com o SSD funcionando como o sistema de cache enquanto o HDD lida com a armazenagem. Embora seja definitivamente mais barato, e maior, do que um disco de estado sólido sozinho, as velocidades não chegam exatamente ao mesmo nível.

A Seagate também apresentou um drive do tipo, embora ele tenha um nome “híbrido” bem mais genérico. Um drive híbrido de 2TB com 8GB de memória flash onboard custa US$ 99 (R$ 312 na cotação atual), mas a nova Optane, da Intel, é similarmente barata. Um stick de memória Optane de 32GB e um disco rígido de TB saem por apenas US$ 140 (R$ 442). E qual o custo de um SSD de 2TB? US$ 550 (R$ 1736).

Então por que gastar US$ 140 em vez de US$ 99? Porque a Intel Optane é realmente muito rápida.

Ok, o quão boa é a memória Optane?

Eu pus o novo hardware da Intel em uma série de testes de benchmark para ver o quanto ela melhoraria a performance de HDDs e SSDs. No caso do primeiro, ela melhora tanto as velocidades que você nunca mais vai querer usar um HDD sem a Optae. Isso ficou melhor exemplificado com o Adobe Premiere e o Photoshop. Ambos os programas são conhecidos por levar eras para abrir. Quando abri um projeto no Premiere em um HDD normal, levou 52 segundos. Abrir um projeto enorme no Photoshop levou 37 segundos. Porém, quando eu ativei a memória de 32GB da Optane, esses processos levaram 11 e sete segundos, respectivamente. Surpreendentemente, ela tornou o HDD mais rápido que um SSD também e, bizarramente, no caso do Premiere, o HDD com a Optane foi exatamente dois segundos mais rápido do que o SSD com a Optane.

mwhv6zaefdmg6yr3iwhx

O HDD com a Optane dentro é muito rápido, e, quanto menor a barra, melhor a performance.

 

Abrir projetos nos programas Adobe deu à memória Optane seus resultados mais impressionantes, mas ele melhorou dramaticamente a performance do tradicional sistema de pratos rotativos do HDD em toda a placa. O HDD levou 5,5 segundos para abrir o Google Chrome, mas o HDD com a Optane levou menos de dois segundos. Abrir um vídeo em 4K no player nativo do Windows levou seis segundos com o HDD e apenas 1,5 segundo com a memória Optane habilitada.

squlzgekhir8qq6ipe1c

Mais uma vez, barras menores são melhores.

O disco de estado sólido combinado com a memória Optane não viu o mesmo tipo de melhoria maluca de desempenho que o HDD. De fato, no caso dos testes de produtividade acima, o SSD e o SSD com memória Optane estiveram pau a pau, sem nenhuma diferença notável real em velocidade.

Mas isso mudou quando tentamos carregar jogos. O drive de armazenamento teve que ler muito mais dados quando abriu um game em comparação com quando abriu um aplicativo como o Photoshop ou o Google Chrome, e leva muito mais tempo para ler os dados. Consequentemente, os benefícios insanos de velocidade da Optane são muito mais aparentes.

zwnhcv2qpr5dnlgzojzi

Ao abrir o Mass Effect Andromeda, os drives de armazenamento com a memória Optane habilitada foram duas vezes mais rápidos do que os drives sem a memória Optane.

As melhorias de velocidade foram menos acentuadas no caso do carregamento de fases. Em ambos os casos, a memória Optane fez o drive de armazenamento aproximadamente 20% mais rápido. O SSD com a Optane carregou uma fase de Mass Effect em 28 segundos, enquanto o SSD sem carregou em 34 segundos. O HDD com a Optane carregou o nível em 49 segundos, contra 61 segundos do HDD sem a Optane.

Overwatch, um jogo que ocupa muito menos espaço em um dispositivo de armazenamento do que Mass Effect, também viu melhorias excepcionais na hora de carregar. Embora as melhorias não fossem consistentes. Embora Overwatch tenha carregado duas vezes mais rápido no HDD com Optane em comparação com aquele sem a memória, ele apenas carregou um segundo mais rápido na comparação entre SSDs.

djjzwtgcxzswsg5yaqil

Observei a mesma disparidade ao testar o tempo que levava para o computador ligar. O HDD com a Optane o fez duas vezes mais rápido que aquele sem a Optane, mas o SSD com a memória ligou apenas dois segundos mais rápido que aquele sem.

m3jrgushsuojuwsd28cr

Se todos os seus sistemas rodam em SSD, não há realmente necessidade alguma de você sair e comprar uma memória Optane. Embora, em algumas ocasiões, ela possa melhorar a velocidade de um SSD, não é uma melhoria suficientemente grande para valer o gasto mínimo de US$ 44. Porém, se você tem um computador em que todos os sistemas e aplicativos estão em um HDD? A memória Optane vai tornar sua vida melhor.

Infelizmente, existem umas ressalvas bem grandes a se fazer. A principal delas é de que a memória Optane funciona apenas com computadores que tenham um processador Kaby Lake de sétima geração, e eles começaram a aparecer apenas no fim do ano passado. Isso significa que aquele seu desktop antigo que está acumulando poeira na sua garagem não vai se beneficiar da memória Optane. Aliás, poucos computadores vão, porque a Optane atualmente funciona apenas com CPUs e placas-mãe de desktop, e aquelas prontas para essa memória começaram a surgir apenas neste ano. Então, a não ser que você seja alguém ávido em montar computadores, os benefícios da memória Optane ainda estão longe de seu alcance.

Porém, a Intel nos garantiu que começaremos a ver muitos desktops e notebooks preparados para a Optane ainda neste ano. Então, um dia, em breve, o barato não mais significará lento. Se você vir um notebook com um adesivo de memória Optane, isso é um bom sinal.

LEIAME

• A Optane sai por US$ 44 por uma memória de 16GB e US$ 77 por uma de 32GB (nos Estados Unidos). Vá em frente e gaste seu dinheiro na versão de 32GB.
• Ela duplica a velocidade de HDDs, mas não acaba com o som irritante que eles fazem.
• Os benefícios para quem tem SSD são pequenos por enquanto, mas as próximas gerações da Optane podem mudar isso.
• Um stick de memória de 32GB da Optane (US$ 77) e um HDD de 2TB (US$ 70) custam menos que um SSD de 500GB. Mesmo que armazenamento não seja essencial para sua estratégia de montar um PC, esse é um belo negócio.

Todas as imagens: Alex Cranz/Gizmodo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s