Metodologia DISC


Todas as pessoas têm potencial para o sucesso.

De acordo com a Metodologia DISC, as pessoas têm mais chances de alcançar o sucesso pessoal e profissional em atividades que estejam adequadas ao seu perfil comportamental. Indivíduos que realizam atividades alinhadas ao seu perfil tornam-se mais realizados e felizes.

Não existe perfil melhor ou pior, qualquer um pode se adaptar a um estilo comportamental, porém isso exigirá esforço e conhecimento acerca das características que devem ser desenvolvidas.

” O que deve ser feito é desistir das tentativas de definir emoções conflitantes e voltar às raízes do comportamento biologicamente eficiente e descobrir as emoções simples e normais que estão enterradas lá. “

— William Moulton Marston, em ‘As Emoções das Pessoas Normais’

No início dos anos 20, o americano William Moulton Marston, PhD em psicologia pela Universidade de Harvard, desenvolveu uma teoria para explicar as respostas emocionais das pessoas.

Até então, trabalhos deste tipo restringiam-se a indivíduos considerados deficientes mentais, mas Marston sonhava em estender estas ideias para avaliar o comportamento de todos os indivíduos.

Para testar suas teorias, Marston desenvolveu sua própria técnica para medir estilos comportamentais, utilizando-se de quatro fatores importantes: DominânciaInfluênciaEstabilidade e Conformidade. Das iniciais em inglês destas palavras, surgiu a sigla DISC.

Em 1926, Marston publicou suas descobertas no livro ‘As Emoções das Pessoas Normais’, que incluía uma breve descrição do sistema elaborado por ele. Desde então, a Metodologia DISC foi sendo aprimorada até se tornar a ferramenta de análise comportamental mais utilizada no mundo.

DOMINÂNCIA
INFLUÊNCIA
ESTABILIDADE
CONFORMIDADE

99%

de precisão nos resultados dos perfis comportamentais.Este dado veio de um estudo realizado por Karin Roodt, mestre em Educação pela University of South Africa e psicóloga com registro na South African Medical and Dental Council.

DISC detecta as características comportamentais das pessoas, como forças, motivações, forma de gerenciar e de se comunicar, entre muitas outras aplicações para proporcionar às pessoas um profundo autoconhecimento.

Esta análise é feita através do inventário DISC, que é o mais utilizado no mundo e que pode ser aplicado para dezenas de objetivos.

A ETALENT ampliou os estudos acerca de cada fator DISC e criou o Dodecaedro de Competências Comportamentais, uma ferramenta que possibilita diagnósticos ainda mais precisos e que agregam resultados efetivos para as organizações.

O Dodecaedro auxilia em uma análise muito mais aprofundada dos Fatores DISC de um cargo ou de uma pessoa por meio de 12 Subfatores, facilitando a visualização das forças e dos pontos de melhoria das pessoas ou das características que definem uma posição.

Autoconhecimento

Identifica com clareza as tendências comportamentais das pessoas, auxiliando-as nas melhores decisões rumo ao sucesso.

Produtividade

Possibilita que empresas aloquem colaboradores de acordo com o perfil comportamental, gerando mais satisfação e resultados.

Correlação

Compara o perfil do pessoa com o perfil do cargo para definir o comportamento a ser desenvolvido para o exercício da função.

Gestão de pessoas

Apoia o desenvolvimento de colaboradores em suas trajetórias pessoais e profissionais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: