GREVE GERAL | Rio de Janeiro terá protesto unificado na Candelária, nesta sexta


Da Redação

Nesta sexta-feira (30), vão acontecer mobilizações em todo o país, como parte do calendário discutido pelas centrais sindicais para intensificar a luta pela saída de Michel Temer (PMDB) da Presidência da República e contra as reformas. No Rio de Janeiro, as centrais e as frentes Brasil Popular, Povo Sem Medo e Esquerda Socialista se reuniram em plenária, no sindicato dos trabalhadores do comércio, e reafirmaram o dia 30 como um dia de paralisações, lutas e greves. Entre outras inciativas, organizam em unidade um protesto para as 17h, com concentração na Candelária.

O ato da Candelária já vinha sendo convocado pelos trabalhadores da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), que sofrem as consequências diretas da crise do estado. Também estava sendo chamado pelos profissionais em Educação. Agora, ganha caráter unitário e pode ser uma das maiores manifestações dos últimos meses.

No dia 28 de abril, dia da última greve geral, os movimentos tinham decidido por dois eventos. Um ato saiu da Candelária e parte do movimento preferiu compor um ato-show na Cinelândia. Infelizmente, a realização e o encontro dos dois foi impedida pela brutal repressão instaurada pela Polícia Militar. Com caveirões e uso de gás lacrimogêneo tentaram dispersar todas as aglomerações de pessoas. Chegaram a jogar uma bomba no palco da Cinelândia, no mesmo momento em que o deputado estadual Flavio Serafinni (PSOL) discursava contra a violência.  O centro do Rio de Janeiro ganhou um cenário de guerra, repudiada pela população e, inclusive, com declaração pública da OAB, de diversas entidades e artistas.

A forte repressão do protesto do dia 28 culminou na realização de um ato no dia 1º de maio, para denunciar a violência do Estado e a criminalização dos movimentos sociais. Em seguida, diversos artistas indignados com a situação, tiveram a ideia de organizar um ato-show em Copacabana e pedir eleições ‘Diretas, Já’. Os atos-shows se espalharam por várias cidades, como São Paulo, Salvador, Minas Gerais, Maceió, Recife, Olinda, Natal, entre outras.

Para esta sexta-feira (30), além da mobilização com concentração na Candelária, categorias discutem a realização de trancaços, piquetes nos locais de trabalho e estudo, entre outras inciativas. O Esquerda Online irá cobrir os atos a partir das 0h. Fique atento!

SERVIÇO
Ato unitário da greve geral, no Rio de Janeiro
Local: Candelária
Horário 17h

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: