Como fazer o planejamento estratégico do sindicato?


Como fazer o planejamento estratégico do sindicato

Sabemos que os sindicatos são entidades sem fins lucrativos, que existem com o objetivo de apoiar e defender a classe que representam. Mesmo assim, não faltam exemplos que mostram que os sindicatos também podem aproveitar metodologias empregadas em empresas, como macetes de administração, contabilidade e até marketing!

Entre essas coisas típicas do mundo dos negócios, o planejamento estratégico é uma das que podem ser empregadas para proveito do sindicato. Saiba mais no nosso post de hoje:

O que é o planejamento estratégico?

Você com certeza já deve ter visto, no institucional de algumas empresas, definições de seus valores, de sua missão e de sua visão. Esses pontos fazem parte do planejamento estratégico da organização, seja ela com fins lucrativos ou sem.

No planejamento, é analisada a situação presente da instituição e imaginada uma situação futura na qual ela gostaria de chegar. A partir disso, a entidade passa a ter um norte e pode criar estratégias para atingir esse objetivo.

Por que fazer o planejamento estratégico?

Em todo tipo de organização, sempre há espaço para melhorias, e no sindicato as coisas não são diferentes. Elaborar o plano estratégico significa que a entidade poderá agir no intuito de aprimorar-se sem ferir seus valores no processo para chegar aonde deseja. Trata-se de um motor para que o sindicato consiga atender cada vez melhor às demandas da categoria e, assim, possa crescer como um todo.

Como elaborar o plano do sindicato?

Agora que já entendemos melhor o que é e por que a entidade sindical deve contar com um planejamento estratégico, vamos aos passos para montar o seu:

Reunião para dialogar

A elaboração do plano estratégico deve ser feita entre o diretor sindical, os principais líderes da entidade e uma comissão que represente a maioria dos associados. Juntas, essas pessoas devem refletir sobre a situação em que o sindicato se encontra hoje e aonde ele gostaria de estar no futuro.

Definição da missão, da visão e dos valores

Com todos reunidos, é hora de pensar nas seguintes questões:

  • Missão: qual é a finalidade última do sindicato, isto é, para que ele existe? Esse deve ser o ponto de partida para o planejamento de toda e qualquer ação da entidade.
  • Visão: como seria o cenário ideal do sindicato em alguns anos? Aonde a entidade quer chegar?
  • Valores: como o sindicato deve se comportar? Quais são os princípios morais que o regem?

Análise FFOA

Para entender melhor o contexto que permeia a entidade, recomenda-se realizar a análise FFOA, que compreende:

  • Forças (os pontos positivos);
  • fraquezas (os negativos);
  • oportunidades (em que pontos o sindicato pode crescer);
  • e ameaças (quais são os problemas externos que o enfraquecem).

Aqui, os dois primeiros itens se referem ao ambiente interno do sindicato, enquanto os dois últimos vêm do lado de fora, isto é, da sociedade, do governo, do mercado de trabalho, etc.

Objetivos e metas

Pronto: agora que o grupo já sabe onde o sindicato se encontra hoje (através do FFOA), onde ele gostaria de estar no futuro (visão), para que servem cada uma de suas ações (missão) e como elas devem ser realizadas (valores), é hora de traçar o caminho que irá levá-lo ao crescimento.

Essa provavelmente é a parte mais complicada do planejamento estratégico, pois envolve pensar nas ações que vão ajudar o sindicato, pouco a pouco, a chegar aonde se quer. Para isso, é preciso definir objetivos graduais e, geralmente, a longo prazo. Dentro desses objetivos, podem ser criadas metas para os responsáveis por atingi-los e indicadores que poderão mostrar o quão próximo se está do fim e se algo precisa ser mudado no meio do caminho — o que também pode acontecer!

Quando o plano estratégico do sindicato é elaborado com cuidado, detalhando cada passo para atingir a visão preestabelecida, toda a entidade se organiza em torno desse foco, e as melhorias são muito mais rápidas e efetivas.

Ainda acha que o planejamento estratégico não faz parte da realidade dos sindicatos? Então saiba que muitas entidades já têm se beneficiado com ele. Se não acredita, confira o plano da Atricon (Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil) e inspire-se para criar o seu!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s