Antônio Modesto da Silveira


Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Antônio Modesto da Silveira (Uberaba, 23 de Janeiro de 1927 – Rio de Janeiro, 22 de novembro de 2016) foi um advogado e político brasileiro. Filho de lavradores sem-terra teve uma infância complicada chegando a trabalhar como operário de pedreira.

História[editar | editar código-fonte]

Conseguiu bacharelar-se em Direito em 1962 pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Dois anos depois de formado, houve o golpe de Estado no Brasil. Mergulhou, já no primeiro dia, na defesa de presos e sequestrados políticos, passando à História como o advogado que mais[1] defendeu presos políticos durante a ditadura.

Pelo arrojo de exercer a advocacia durante um regime ditatorial, foi ele próprio sequestrado pelo Departamento de Ordem Pública – Centro de Operações de Defesa Interna (DOI – CODI), do mesmo modo que os também advogados: Sobral Pinto, Heleno Fragoso, Evaristo de Moraes, Augusto Sussekind de Moraes Rego, George Francisco Tavares e Vivaldo Vasconcellos.

Em 1978, Modesto da Silveira tornou-se o Deputado Federal mais votado de esquerda do Rio de Janeiro. Em 22 de agosto de 1979, foi um dos encaminhadores da votação da Lei de Anistia, no Congresso Nacional, a pedido do então presidente da Câmara, Ulisses Guimarães, e do líder do Movimento Democrático Brasileiro, Freitas Nobre.

Posteriormente, Modesto da Silveira participou de inúmeros congressos internacionais de paz, pela Europa, África e América, como membro do CONDEPAZ – Conselho Brasileiro da Defesa da Paz e do CMP – Conselho Mundial da Paz.

Referências

  1. Ir para cima FRAGOSO, Heleno. Advocacia da Liberdade, pág. 147.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s