Entenda a diferença entre custos, gastos e despesas


  10 comentários  Conceitos De Gestão 
Compartilhe com amigos:

Entenda a diferença entre custos, gastos e despesasRealizar atividades financeiras não é uma tarefa fácil. É preciso lidar com números, valores e preços de forma cuidadosa, pois um erro pode significar um grande prejuízo para a empresa. Para que a gestão financeira seja feita de forma correta, é preciso que o responsável entre bem a diferença entre custos, gastos e despesas. Por isso, preparamos este post com explicações e exemplos que podem ajudar na compreensão. Confira.

Custo

Todo investimento que uma empresa precisa fazer para produzir um produto ou oferecer um serviço é chamado de custo. Sem esse valor, não é possível dar início ou continuidade às vendas. Para aumentar a quantidade produzida, em geral, é preciso aumentar o custo da empresa.

Aqui também podemos definir o conceito de “preço de custo”, que é o valor mínimo gasto pela empresa para fabricar determinado produto. Se o material for vendido a preço de custo, a empresa não tem nenhum lucro. Em cima do preço de custo, é calcular o preço de venda – a diferença entre os dois é lucro.

Exemplos de custo:

matéria-prima, água, eletricidade da produção, depreciação de maquinário, embalagem.

Despesa

As despesas englobam tudo aquilo que a empresa precisa ter para manter o funcionamento da estrutura mínima. São valores investidos na área comercial, administrativo, marketing, recursos humanos. As despesas não têm ligação direta com a produção de novos itens que serão vendidos pela empresa, mas podem ter influência no aumento da receita.

As despesas podem ser divididas em duas categorias:

  •          Fixas: que não variam com a quantidade de bens ou produtos vendidos pela empresa, como material de escritório
  •          Variáveis: varia com a quantidade de produtos produzidos pela empresa, como comissão de vendedores.

Exemplos: salários, material de escritório, telefone, aluguel, comissão de vendedores, compra de publicidade.

Gastos

Gastos são os valores que a empresa não previu no orçamento, mas que precisa investir para continuar a produção. Como um gasto é imprevisível, não é possível de ser repassado no preço do produto, portanto, a empresa precisa arcar com o prejuízo.

Exemplos: substituição de peça com defeito, assistência técnica.

Para fazer a gestão dos custos, despesas e gastos da sua empresa, o ideal é utilizar uma planilha de fluxo de caixa. Com o uso da ferramenta, os gestores podem lan;ar entradas e saída, conferir o que precisa pagar e o que tem e, dessa forma, analisa como está o andamento do fluxo de caixa da empresa. Além disso, é possível ter acesso ao demonstrativo de resultado do exercício (DRE) e avaliar os relatórios que são gerados automaticamente.

Uma planilha de fluxo de caixa agiliza diversas atividades, aumentando a produtividade da equipe e permitindo que os responsáveis tenham mais tempo para se dedicar ao planejamento estratégico da empresa.

– See more at: http://blog.luz.vc/o-que-e/entenda-diferenca-entre-custos-gastos-e-despesas/#sthash.N3alNFD0.dpuf

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s