O que é Modulação Hormonal?


Tratamentos Modulação Hormonal
Por: Dr. Gian Carlo Nercolini

O que é Modulação Hormonal?A modulação Hormonal é o método em através de exames laboratoriais, traçamos o perfil hormonal do paciente detectando suas necessidades, e a partir deste ponto, podemos iniciar um balanceamento hormonal para que o paciente atinja um padrão hormonal compatível com o que desejamos.

A melhor curva hormonal é aquela comparável a nossa juventude plena, ou seja, próximo dos 18 a 21 anos, portanto para uma ótima performance buscamos ter níveis hormonais compatíveis com a juventude. Lembre-se que envelhecemos porque nossos hormônios diminuem e não ao contrário, quando achávamos que os hormônios caiam e, portanto envelhecíamos.

Qual a diferença entre Modulação Hormonal e Reposição Hormonal?A Reposição Hormonal visa apenas repor os hormônios que estão com níveis baixos e colocá-los em um nível compatível com a idade. Na Modulação Hormonal, a suplementação se dá através de hormônios e outros nutrientes, como aminoácidos, vitaminas e antioxidantes buscando atingir níveis hormonais compatíveis com os de nossa adolescência ou inicio da vida adulta.

Quem pode se beneficiar da Modulação Hormonal?Todo os pacientes que buscam uma performance física, intelectual e mental mais aprimorada. Aqueles que sentem cansaço físico,e mental, distúrbios de esquecimento,desanimo com a vida, desmotivação sexual, ou os que simplesmente querem melhorar sua qualidade de vida e retardar seu envelhecimento. Isto inclui, trabalhar os níveis hormonais, associado a uma dieta balanceada, a exercícios físicos, enfim lapidar corpo e mente para se fazer valer o axioma: – Mens Sana in Corpore Sano (Mente Sadia em Corpo Sadio ) que vem desde os primórdios de Platão na Grécia antiga.

Quem procurar para fazer um tratamento de Modulação Hormonal?Um profissional médico com especialização em Modulação Hormonal , especialidade revolucionária e ainda recente no Brasil, mas que veio para ficar. Geralmente estes profissionais são ginecologistas ou endocrinologistas, ou ainda geriatras, isto porque estas áreas de atuação têm maior experiência no trato do perfil bioquímico e Hormonal.

Quais os passos do tratamento?Tudo começa com uma consulta, de aproximadamente uma hora, para que o médico conheça todo o histórico do paciente, suas queixas e anseios. A partir daí, são solicitadas dosagens sanguíneas, de hormônios e outros nutrientes, para termos um perfil padrão do paciente e quais seus déficits. Também solicitamos exames de imagens, como ultra-som, radiografias, mamografia, densitometria óssea, ou seja, um conjunto de exames que constituem um verdadeiro check-up para sabermos do estado de saúde do paciente e conhecermos os riscos de doenças cardíacas, câncer ou outras que possam ser empecilho ao uso de hormônios. Um exemplo é um risco enorme um homem usar uma testosterona (hormônio masculino) na hipótese de câncer de próstata. O mesmo vale para uma mulher, ou seja, administrar um hormônio se há risco de um câncer de mama ou de útero. Ou seja, os exames visam nos dar subsídios para uma modulação segura e saudável.

Quais são as principais substâncias prescritas para a Modulação Hormonal?Usamos hormônios ditos bio-idênticos, ou seja, aqueles exatamente iguais aos que nossas glândulas produzem. Há algum tempo usavam-se hormônios similares, tais como extratos de plantas, derivados de animais, que sabemos hoje, não são adequados, pois causam distúrbios de receptores e danificam nossa saúde. Os hormônios bio-idênticos foram possíveis de serem produzidos, a partir do projeto genoma, que vem decifrando o nosso código genético, ou seja, o nosso DNA.

Hoje por engenharia genética, modificamos o núcleo de uma bactéria e fazemo-la produzir os hormônios tais quais os nossos. Isto é um tremendo avanço científico. Um marco na modulação hormonal.Também usamos substancias que nos protegem quanto a oxidação celular, que é o processo responsável pelo nosso envelhecimento. São os antioxidantes que podem ser naturais como os encontrados em determinados alimentos. Utilizamos também os precursores da produção dos hormônios e estimulantes do sistema nervoso inclusive que melhoram a circulação cerebral e como conseqüência a memória e a disposição em geral.

Quais os ganhos na saúde em geral?O ser humano persegue desde os primórdios da civilização a perpetuação da juventude. Buscou na alquimia, nas fórmulas milagrosas, nas plantas, ervas, enfim até na pedra filosofal. Mas com o advento da evolução da medicina, surgiu um novo campo de estudos nos Estados Unidos, aonde cientistas trabalharam num programa chamado anti-aging, que hoje é reconhecido em todo mundo como a medicina do futuro, a medicina anti-envelhecimento. Os ganhos são claros, como ter um corpo jovem, manter um desempenho atlético, profissional, mental e sexual, condizente com a juventude, mas com a experiência que os anos de vida nos trazem, ou seja, o ganho é enorme em qualidade de vida.

Fazer Modulação Hormonal é para a vida inteira?Normalmente sim, quem experimenta esta técnica e colhe os frutos dela, geralmente não quer voltar a se sentir envelhecendo ou mesmo sentir sua performance decaindo a olhos vistos. Quem não gosta de se manter jovem, com um corpo bonito e saudável. Com uma silhueta atraente e poder namorar?

Todos desejam ser felizes e temos esse direito.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s